Mais três brasileiros avançam em Bells Beach

Filipe Toledo, Adriano de Souza e Wiggolly Dantas venceram suas baterias e estão no Round quatro da etapa australiana

Mais três surfistas brasileiro venceram as baterias do Round 3 e seguem vivos em Bells Beach. O primeiro a entrar na água neste domingo (horário de Brasília), foi Filipe Toledo. Com mais uma atuação de gala, o surfista de acabou de completar 22 anos superou o australiano Adrian Buchan por 18,27 a 15,56. O paulista de Ubatba abriu a série com 9,77.

.@toledo_filipe começa a bateria com um 9.77 💥 #RipCurlPro #BellsBeach! AO VIVO https://t.co/99mkLAnxRY pic.twitter.com/2RUCC9JVOb

— World Surf League (@wsl) April 16, 2017

O segundo a entrar nas frias águas australianas foi Adriano de Souza. Com mais uma atuação convincente, ele superou o rival francês Jeremy Flores por 16,53 a 13,66. Mineirinho está na bateria três do Round 4 e disputa com o compatriota Filipinho a vaga direta para as quartas de Bells Beach. Os perdedores da disputa que ainda conta com o havaiano Ezekiel Law irão para a repescagem.

.@MineirinhoSurf elimina @floresjeremy no Round 3 #RipCurlPro #BellsBeach! Rd 3, Bt 9: https://t.co/99mkLAnxRY pic.twitter.com/4EkyOsSUSH

— World Surf League (@wsl) April 16, 2017

O último brasileiro a conseguir uma vaga nas próxima fase foi Wiggolly Dantas. Na bateria 10, ele encarou o australiano atual campeão da etapa, Matt Wilkinson. O placar final foi de 13, 73 a 11, 83. Wiggolly está na quarta e última bateria do Round 4 e espera as duas últimas baterias da terceira etapa para descobrir seus adversários.

.@WiggollyDantas elimina @mattwilko8 no Round 3 do #RipCurlPro #BellsBeach Rd 3, Bt 10: https://t.co/99mkLAnxRY pic.twitter.com/RxaXLiYRkz

— World Surf League (@wsl) April 16, 2017

E MAIS: