Maioria do STF recusa ações contra Copa América e torneio está confirmado no Brasil

·1 minuto de leitura


Perante a lei, a Copa América não terá oposição para a sua realização no Brasil. Na tarde desta quinta-feira, a maioria do Supremo Tribunal Federal votou pela rejeição de duas ações que solicitavam a suspensão do torneio. A competição está prevista para ter início neste domingo.

As duas sessões têm como relatora a ministra Cármen Lúcia e o tema é julgado no plenário virtual do STF, no qual os ministros se manifestam eletronicamente. Até o momento, sete dos 11 ministros manifestaram seus votos. Os magistrados têm até as 23h59 para confirmarem suas respectivas decisões.

Marco Aurélio, Cármen Lúcia, Ricardo Lewandowski, Edson Fachin, Gilmar Mendes, Dias Toffoli e Rosa Weber se manifestaram contra as ações, assegurando a realização da Copa América.

Ainda há um terceiro processo sobre o tema, que tem como relator o ministro Ricardo Lewandowski.

* Mais informações em instantes

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos