'Mago do vestiário' do Flamengo, preparador Danilo Augusto fala sobre preleções: 'Vem muito do coração'

LANCE!
·2 minuto de leitura


Espelho, páginas em branco, palitos de espeto e até mágica: o preparador físico Danilo Augusto usa uma série de artifícios no momento de dar a última palavra de motivação ao time do Flamengo antes das partidas. As preleções costumam aparecer nos bastidores dos jogos e, por isso, o profissional já virou xodó da Nação é, nas redes sociais, há quem o chama de "mago dos vestiários". Em entrevista à FlaTV, Danilo falou sobre a técnica que usa e no que se inspira.

- Tudo que eu faço tem uma técnica envolvida, mas também vem muito do coração. Coloco isso em prática nos jogos e nos treinos também. Eu tenho esse jeito enérgico, mas sou adepto da leitura diária, escuto músicas que trazem algo de motivação, busco no meu dia a dia. Sou um cara observado, busco usar todos sentidos sensoriais - afirmou o preparador físico, antes de completar:

- Vivo intensamente todo dia, como se fosse o último dia da minha existência. Tento transmitir isso para o atleta. É o que eu acredito. As mudanças que estão no presente é o que definem o nosso futebol. Viver os 90 minutos, entregando tudo, gera uma energia e um poder coletivo que é imbatível. É isso que tento passar.

Relembre abaixo um dos bastidores no qual o preparador físico fala ao grupo.

Com passagens por diversos clubes do estado de São Paulo, Danilo Augusto alcançou projeção nacional na carreira após trabalhar nas divisões de base do São Paulo e depois no time principal do Morumbi. Foi lá que o profissional conheceu o então goleiro Rogério Ceni e o então jovem zagueiro Rodrigo Caio.

Posteriormente, trabalhou no Corinthians até que foi comandado já pelo técnico Rogério Ceni a trabalhar no Fortaleza, o acompanhando no Cruzeiro, até chegar ao Ninho do Urubu em novembro de 2020. Em apenas quatro meses, Danilo e Rogério já estão na história do clube pela conquista do Octa.

- Sempre demonstrei aquela vontade de vencer e ser campeão pelo Flamengo. Foi a realização de um sonho. Foi o momento mais marcante da minha e dos mais felizes da minha vida. Comparo aos nascimento dos meus filhos. Foi a maior conquista dos meus 23 anos de carreira - afirmou, antes de seguir:

- Foi um momento extraordinário (quando acertou com o Fla). Vi que tudo tinha valido a pena. Todo esforço e entrega. Chegar ao Flamengo é uma energia que o flamenguista sabe. Aqui é diferente mesmo. É uma magnitude imensa.