Magnussen vê Haas capaz de "mudar situação rapidamente" e evitar 'Efeito Williams'

Redação GP

img src='https://www.grandepremio.com.br/Images/201911281558972_haas-kevinmagnussen-03_DMa.jpg' /div

O ano foi muito ruim para a Haas. Apoacute;s a temporada 2018 ser a melhor da curta histoacute;ria do time norte-americano, a expectativa para o campeonato posterior era se manter na disputa pelo topo da #39;F1 B#39;, mas a Haas fez o caminho inverso: terminou com a penuacute;ltima posiccedil;atilde;o. stronga href=https://www.grandepremio.com.br/busca?s=kevin%20magnussenspan style=color:#ff0000;Kevin Magnussen/span/a/strong, entretanto, natilde;o acredita que o momento ruim iraacute; se esticar por mais um ano. Como na Williams, por exemplo.nbsp;/div

div

Role para baixo para continuar lendo
Anúncio

A Haas fechou 2018 com o quinto posto do Mundial de Construtores, mas marcou somente 29 tentos em 2019 - 21 de Magnussen. Questionado sobre se teme uma sequecirc;ncia tenebrosa como a Williams atualmente, disse que natilde;o./div

div

quot;Natilde;o acredito que isso vaacute; acontecer aqui. Acredito que podemos mudar a situaccedil;atilde;o rapidamente e encontrar nosso caminho. Estou convencido que podemos fazer issoquot;, afirmou ao site francecirc;s #39;Motorsport-Total.com#39;./div

div

div class=imagem-noticia

img src=/Images/201911291233511_haas-kevinmagnussen-07_II.jpg title=Kevin Magnussen (Foto: Haas) //div

div class=legenda-imagem

Kevin Magnussen (Foto: Haas)/div

/div

div

O dinamarquecirc;s estaacute; na Haas desde 2017 e vai para o quarto ano nos quadros de stronga href=https://www.grandepremio.com.br/busca?s=gene%20haasspan style=color:#ff0000;Gene Haas/span/a/strong e contou como foi divertido participar dos primeiros anos de crescimento da equipe. Antes, em 2016, Magnussen esteve numa Renault com amplas dificuldades./div

div

quot;Foi um prazer assistir um time que estava em alta em vez de indo para traacute;s. Eacute; simplesmente uma experiecirc;ncia mais positiva. Daacute; para sentir o crescimento, as melhoras e a animaccedil;atilde;o. Nos primeiros trecirc;s anos, avanccedil;amos enormemente. Talvez natilde;o tenha parecido algo tatilde;o grande, mas dentro de trecirc;s anos vocecirc; subir de oitavo para quinto eacute; bem bomquot;, finalizou.nbsp; nbsp;/div

div

A F1 retorna em marccedil;o.br /

nbsp;/div

div class=embed-responsive embed-responsive-16by9

iframe allowfullscreen= class=embed-responsive-item src=https://www.youtube.com/embed/gkbanHAPCdo/iframe/div

br /

table bgcolor=#E6E6E6 border=0 cellpadding=1 cellspacing=1 style=width: 100%

tbody

tr

td

div

bspan style=color:#FF0040;Apoie o strong GRANDE PREcirc;MIO/strong/span/bspan style=color:#FF0040;: garanta o futuro do nosso jornalismo /spanbr /

br /

Ostrong GRANDE PREcirc;MIO /strongeacute; a maior miacute;dia digital de esporte a motor do Brasil, na Ameacute;rica Latina e em Liacute;ngua Portuguesa, editorialmente independente. Nossa grande equipe produz conteuacute;do diaacute;rio e pensa em inovaccedil;otilde;es constantemente, e natilde;o soacute; na internet: uma das nossas atuaccedil;otilde;es estaacute; na realizaccedil;atilde;o de eventos, como a Copa GP de Kart. Assim, seu apoio eacute; sempre importante.br /

br /

a href=https://grandepremium.grandepremio.com.br/assine target=_blankAssine o GRANDE PREMIUM/a: veja os planos e o que oferecem, tenha agrave; disposiccedil;atilde;o uma seacute;rie de benefiacute;cios e experiecirc;ncias exclusivas, e faccedil;a parte de um grupo especial, a Scuderia GP, com debate em alto niacute;vel./div

/td

/tr

/tbody

/table

br /

Leia também