Maduro denuncia bloqueio de pagamento para transmissão dos Jogos de Tóquio na Venezuela

·2 minuto de leitura
Maduro posa para fotos com parte da delegação olímpica da Venezuela, 18 de junho de 2021 em Caracas

O presidente da Venezuela, Nicolás Maduro, denunciou nesta quarta-feira (21) o bloqueio do pagamento que seu governo fez para adquirir os direitos de transmissão dos Jogos Olímpicos de Tóquio-2020 no país.

“A Venezuela pagou os direitos de transmissão das Olimpíadas de Tóquio-2020 e agora a perseguição financeira aos bancos impede a comissão organizadora de coletar o dinheiro da Venezuela”, declarou Maduro à televisão estatal.

"Neste momento nosso ministro do Esporte, Mervin Maldonado, está em Tóquio gerenciando a liberação dos recursos" para que "a Venezuela possa receber a imagem televisiva, de satélite, da transmissão dos Jogos Olímpicos para que possa ser usufruída gratuitamente", acrescentou.

O governo venezuelano foi atingido por sanções internacionais lideradas pelos Estados Unidos, que não reconhecem Maduro como presidente da Venezuela, depois que o mandatário foi reeleito em eleições questionadas em 2018.

Essas medidas dificultam o acesso ao sistema financeiro internacional. Já aconteceu com o bloqueio de parte do pagamento para acesso ao sistema Covax da OMS para a compra de vacinas contra a covid-19.

É uma “perseguição bancária e financeira contra o direito dos venezuelanos de receber o sinal das Olimpíadas de Tóquio por causa do compromisso imperial dos Estados Unidos de perseguir todas as contas da Venezuela”, insistiu Maduro.

O governo negociou o pagamento de 2,5 milhões de dólares pelos direitos limitados de transmissão dos Jogos no canal estatal TVES, informaram à AFP fontes familiarizadas com a negociação no Japão.

Os Jogos Olímpicos mais atípicos da história serão disputados de 23 de julho a 8 de agosto, embora os torneios de softbol e futebol feminino já tenham começado.

A Venezuela, atolada na pior crise econômica de sua história moderna, chega com uma delegação de 43 atletas e aposta na vitória de atletas como Yulimar Rojas, múltipla campeão mundial no salto triplo.

atm-erc/jt/cl/am

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos