Lyanco assina com Torino e agradece São Paulo por venda rápida

Menos de uma semana depois de ter sido vendido pelo São Paulo, Lyanco foi anunciado oficialmente pelo Torino-ITA nesta quarta-feira, quando vestiu a camisa do novo time e assinou contrato de cinco temporadas, ao lado do presidente Urbano Cairo. O jogador de 20 anos partiu para a Itália no último final de semana, conheceu as instalações do clube e foi submetido a exames médicos, nos quais foi aprovado.

“Estou muito feliz por estar aqui, animado e querendo fazer tudo bem. Gostaria de agradecer mais uma vez ao São Paulo pela oportunidade de sair imediatamente para a Europa. A Itália é o sonho de qualquer jovem jogador brasileiro e, por isso, estou orgulhoso por ter sido escolhido por um clube como o Torino, um grande clube, que tem uma torcida fanática e uma história tão famosa, sendo conhecido no Brasil”, falou o defensor ao site oficial do clube.

Antes de acertar com o Torino, Lyanco, contudo, havia recebido propostas da rival Juventus e do Atlético de Madri-ESP. O zagueiro achou mais vantajoso assinar com o clube grená, que superou a oferta dos espanhóis e que pretende usá-lo na equipe principal. Já a Velha Senhora ficou em segundo plano, já que o emprestaria a um time menor.

“Quero dizer obrigado ao presidente Cairo e ao diretor (Gianluca) Petrachi. Sei que havia muitas equipes que estavam me seguindo, mas o Torino fez mais. Ele me queria a todo custo, e agora aqui estou eu. Meu empenho não diminuirá para merecer esta grande oportunidade que a vida meu deu”, acrescentou.

Lyanco custou 6 milhões de euros (cerca de R$ 20 milhões) aos cofres do Torino. Caso cumpra algumas metas de desempenho estabelecidas em contrato, o zagueiro renderá mais 2 milhões de euros (R$ 10 milhões) ao Tricolor, que ainda terá 7% do valor de uma futura venda do atleta.

Revelado pelo Botafogo, Lyanco terminou sua formação nas categorias de base do São Paulo, em Cotia. Pelo clube do Morumbi, o zagueiro contabiliza 25 partidas e um gol marcado.