Luxa sugere hotéis para quarentena, alojamento e UTI durante pandemia


Sem partidas nem treinamentos para comandar no Palmeiras, por conta da pandemia do coronavírus, Vanderlei Luxemburgo utilizou suas redes sociais para dar ideias aos governantes em meio ao já previsto colapso do sistema de saúde. Em sua conta oficial no Instagram, o técnico sugeriu que, em vez de esperar a conclusão de hospitais de campanha, como ocorrerá no Pacaembu, poderia haver acordo com hotéis, que sofrem com a falta de hóspedes.

- Uma solução que poderia ser muito bem feita seria o governo federal distribuir dinheiro para os governos estaduais e municipais e alocar hotéis, à deriva, sem turismo nem nada, para fazer UTI e abrigar pessoas do grupo de risco, como os idosos, ou que precisam de isolamento, de quarentena ou as mais carentes, que não têm residência - sugeriu o treinador.


- É uma ideia inteligente e muito boa porque preserva os empresários da hotelaria, que fariam um preço justo para que se mantenham em atividade. Com certeza, entenderão que é melhor, em vez de cobrar R$ 500, R$ 700 de diária, cobrar R$ 100, R$ 150, R$ 200, ou alocar mensalmente. É muito mais barato do que gastar dinheiro para montar leitos em estádios - afirmou.

- É uma ideia que tive nesse momento de isolamento, e uma medida prática, porque os hotéis, e até motéis, estão desocupados, quase totalmente fechados. Muito mais fácil, porque os quartos já estão prontos para virar UTI ou alojamento, muito mais rápido do que fazer novos centros de UTI em estádio e nos locais em que estão fazendo - prosseguiu Luxemburgo.

Confira a publicação de Vanderlei Luxemburgo em sua conta no Instagram:




Role para baixo para continuar lendo
Anúncio

Leia também