Luxa admite chance de se aposentar no Palmeiras com grande conquista


Vanderlei Luxemburgo ganhou projeção nacional no Palmeiras, acumulando, primeiramente, títulos paulistas e brasileiros em 1993 e 1994. E o técnico, que completará 68 anos de idade no domingo e tem contrato até dezembro de 2021, já admite se aposentar no clube sendo campeão mais uma vez.

- Minha carreira não está longeva mais, né? Está muito mais próxima de terminar. Quem sabe não termino a carreira no Palmeiras, com uma grande conquista. Aí, posso me aposentar... Seria uma coisa muito boa. Para mim, principalmente, seria muito gostoso - disse o treinador, participando de live promovida nas contas do Palmeiras e da patrocinadora Crefisa no Instagram.


- Mas a gente sabe que futebol brasileiro é complicado. Precisa mudar muito essa coisa de resultado determinar a qualidade do profissional e colocar só um profissional como culpado daquele momento em função de pressão externa - completou Luxemburgo, em transmissão nesta quinta-feira.

O técnico acumula dois Campeonatos Brasileiros (1993 e 1994), quatro Paulistas (1993, 1994, 1996 e 2008) e um Torneio Rio-São Paulo (1993) no Palmeiras, com 388 jogos e 235 vitórias em cinco passagens (de 1993 a 1994, entre 1995 e 1996, 2002, de 2008 a 2009 e, agora, desde janeiro).

De todas as conquistas, o treinador aponta a do Estadual de 1993 como a mais importante, por ter encerrado um jejum de quase 17 anos sem títulos do clube, o que impôs pressão no jovem Luxemburgo. Está ao lado de Osvaldo Brandão como técnico com mais títulos na história do Verdão.

- Fico muito gratificado por estar eternizado na história do Palmeiras. Sete títulos é bastante coisa em um clube. E conquistei pela força do clube - comemorou Vanderlei Luxemburgo.






Role para baixo para continuar lendo
Anúncio

Leia também