Lutando pela ponta do grupo, Ponte estreia Kleina contra o São Bento

A Ponte Preta estreia seu novo técnico, Gilson Kleina, neste domingo, em visita ao São Bento, às 18h30 (de Brasília), pela 11ª rodada do Campeonato Paulista. O duelo acontece no Walter Ribeiro, em Sorocaba.

A expectativa dos campineiros é de vencer fora de casa para chegar bem à último jornada da primeira fase do Estadual. Com 16 pontos, a equipe, ainda sonha com a liderança do grupo D, disputada com o Santos.

“Vamos jogar uma decisão contra o São Bento, precisamos do resultado para não depender de ninguém. Tenho que estar com uma equipe de jogadores motivados, prontos para a batalha e para buscar o resultado”, enfatizou Kleina em sua apresentação, na última quinta-feira.

Para o duelo, o novo comandante já terá um desfalque de peso. O atacante William Pottker levou o terceiro amarelo diante do Santo André, e não encara o São Bento. Assim, Gilson terá que escolher o substituto, tendo Lins como opção mais experiente, e o jovem Yuri como alternativa.

Por outro lado, a Macaca poderá contar com o retorno do meia Ravanelli, retornando de suspensão. Outra possível escolha de Kleina pode ser promover a volta do jovem na vaga de Pottker, centralizando Lucca no ataque.

O São Bento, por sua vez, tem um objetivo claro na partida em casa: vencer para diminuir ainda mais as chances de queda à Série A2. Depois de um começo muito ruim, os sorocabanos se recuperaram nos últimos jogos, com três vitórias nas últimas cinco partidas. Ainda assim, com 10 pontos, o time é lanterna do grupo C.

Sem problemas de suspensão, o técnico Paulo Roberto Santos acredita em uma boa atuação de seus comandados. O volante Itaqui corrobora o discurso do treinador. “A situação da luta contra o rebaixamento é clara e o nosso objetivo é manter o São Bento na primeira divisão, além de fazer o nosso dever de casa contra a Ponte Preta”, destacou.

Red Bull e Botafogo-SP sonham com vaga

Embalado pelo bom resultado contra o Corinthians, fora de casa, o Red Bull Brasil pega o Botafogo, também no domingo, às 19 horas (de Brasília), no Moisés Lucarelli, em Campinas. Com 12 pontos no grupo B, a equipe ainda tem chances de passar às quartas de final.

Sonhando com a classificação, os comandados de Alberto Valentim não terão seu goleiro titular Saulo, expulso diante do Timão, no empate por 1 a 1. Daniel, que entrou em seu lugar, deve se manter na meta.

Pelo lado do Botafogo-SP, a briga pela classificação é direta com o Ituano. Na última rodada, o empate com o São Paulo permitiu que os rivais crescessem na briga. Agora, o objetivo é vencer para seguir com boas chances.

Os volantes Bileu e Fernando Medeiros são os desfalques do técnico Moacir Júnior para o duelo. Por outro lado, o lateral Fernandinho e o meia Rafael Bastos retornam de suspensão e são opções em Campinas.