Lutador russo conhecido como Popeye passa por cirurgia e corre risco de morrer após bíceps explodir

·1 minuto de leitura


Com músculos dos braços aumentados pelo uso do óleo de synthol, o lutador Kirill Tereshin corre risco de morte após seu bíceps romper durante uma luta. Conhecido como "Popeye", o russo foi internado recentemente em um hospital de Moscou, onde foi submetido a uma cirurgia, e alertado por médicos sobre a necessidade de retirar o excesso de óleo injetado.

Aos 25 anos, o ex-soldado já passou por situações de emergência semelhantes. De acordo com o portal "Daily Star", Kirill Tereshin foi submetido a outro procedimento cirúrgico para a retirada de 1,5 quilo de "músculo morto" do tríceps do seu braço esquerdo, já que corria risco de amputação.

+ Veja a posição do seu time no Brasileirão!

Caso o produto artificial não seja retirado dos bíceps, o russo pode ter os braços amputados ou até mesmo morrer.

- O risco de complicações neste caso é muito alto. Uma substância tóxica no corpo a longo prazo pode complicar os rins e levar à morte - disse o cirurgião responsável Dmitry Melnikov ao site "MailOnline".

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos