Lula irá ao velório de Pelé em Santos na manhã de terça-feira, diz Planalto

Velório de Pelé no centro do gramado da Vila Belmiro

BRASÍLIA/SANTOS (Reuters) - O presidente Luiz Inácio Lula da Silva irá ao velório do ex-jogador Pelé em Santos na manhã de terça-feira, informou o Palácio do Planalto nesta segunda-feira.

"O presidente da República, Luiz Inácio Lula da Silva, prestará seu respeito e homenagem à Edson Arantes do Nascimento, o Pelé, e solidariedade para sua família na manhã de terça-feira, dia 3 de janeiro, na cidade de Santos", disse o Planalto em nota.

Segundo a Presidência da República, Lula comparecerá ao velório do rei do futebol às 9h de terça, uma hora antes do fim da visitação pública no estádio da Vila Belmiro e antes de o corpo do rei do futebol seguir em cortejo fúnebre pelas ruas da cidade litorânea antes de ser sepultado.

Nesta segunda, o governador de São Paulo, Tarcísio de Freitas (Republicanos), e o prefeito da capital paulista, Ricardo Nunes (MDB), foram ao velório de Pelé pela manhã, assim como os presidentes da Confederação Brasileira de Futebol (CBF), Ednaldo Rodrigues, da Confederação Sul-Americana de Futebol (Conmebol), Alejandro Domínguez, e da Fifa, entidade máxima do futebol mundial, Gianni Infantino.

Infantino defendeu que todos os países do mundo batizem pelo menos um estádio em seu território com o nome de Pelé.

Milhares de torcedores e fãs --a maioria usando camisas do Santos e da seleção, mas também de outros clubes-- passaram em frente ao caixão onde está o corpo do maior jogador de futebol de todos os tempos, único tricampeão da Copa do Mundo, que morreu na semana passada, aos 82 anos, em decorrência de um câncer.

O velório no estádio Urbano Caldeira, a Vila Belmiro, seguirá por toda a noite de segunda e madrugada até as 10h de terça-feira.

(Reportagem de Lisandra Paraguassu, em Brasília, e Eduardo Simões, em Santos)