Lukaku afirma que Everton precisa parar de viver no passado

Uma semana após o treinador Ronald Koeman afirmar que a renovação de contrato com Romelu Lukaku estava próxima, o atacante belga criticou o Everton e deu a entender que pode estar da saída do clube de Liverpool.

“Parz ser um dos melhores atacantes do mundo, é preciso jogar em um cenário importante”, declarou o jogador de 23 anos, que não disputou nenhuma competição internacional nesta temporada porque os Blues terminaram na 11ª colocação do Campeonato Inglês de 2015/16.

“No futebol, o principal objetivo é ganhar o maior número de títulos possíveis. Em vez de viver no passado, o clube tem que pensar no futuro. O Everton tem uma grande história, mas o futuro ainda está para ser escrito”, acrescentou Lukaku, que acredita que o Everton pode contatar melhores jogadores.

Quem não gostou das declarações foi Koeman, contudo o técnico de 53 anos não irá afastar o artilheiro da Premier League. “Obviamente não estou satisfeito com esta entrevista, mas ele tem treinando como deve, por isso não há motivo para afastá-lo”.

Atualmente o time do Goodison Park está com 47 pontos na sétima colocação do Campeonato Inglês e ainda pode sonhar com uma na Liga Europa. Uma vaga na Liga dos Campeões é quase impossível. Nas copas locais, o Everton foi eliminado precocemente.

Além de dividir a artilharia do Inglês com Harry Kane, Romelu Lukaku balançou as redes 20 vezes e fez seis assistências em 29 partidas nesta temporada. Ele está com média de 0,7 gols por jogo. O jogador belga terá a chance de se isolar na artilharia, já que Kane desfalcará o Tottenham por um mês.