Luiz Henrique celebra vitória do Fluminense e sintonia com Fred: 'Confiança e espírito de guerreiro'

·3 min de leitura


No último domingo, o Fluminense venceu o América-MG por 2 a 0, no Maracanã. Com o resultado, o clube atingiu 48 pontos subiu para a sétima colocação da tabela, encostado no G6. Autor do gol que abriu o caminho para a vitória em casa, Luiz Henrique revelou a emoção de voltar a marcar e comemorar com a torcida tricolor.

- Eu me senti muito bem, ainda mais depois de voltar de uma lesão, que eu tive contra o Grêmio lá no Sul. Até me emocionei quando fiz o gol. Ouvir a torcida gritando meu nome é uma honra, desde pequeno eu sempre quis isso para mim. Graças a Deus eu pude fazer o gol e ter meu nome cantado pela torcida - declarou o camisa 34.

O atacante também comentou que a vitória veio através da concentração da equipe para o confronto e da consciência da força do adversário que, assim como o Fluminense, disputa uma vaga na Libertadores.

- Nós sabíamos que seria um confronto muito difícil contra o América-MG, um time que vem jogando muito bem. Mas a gente entrou bem confiante para colocar nosso futebol em prática dentro de campo e conseguimos essa vitória para subir na tabela.

+ ATUAÇÕES: Luiz Henrique tem grande desempenho e Fred volta a marcar em vitória do Fluminense

Na partida, Luiz Henrique carregou o nome de Chico Guanabara na camisa, o primeiro torcedor do clube. O jovem ainda aproveitou para reforçar a importância das ações de conscientização acerca do racismo e afirma ter orgulho de ter representado uma personalidade negra histórica do Fluminense.

- Todas as ações que o clube fez foram muito importantes. A gente tem que sempre combater o racismo. E para mim foi um orgulho vestir a camisa com o nome do Chico Guanabara e poder conhecer um pouco da história dele - conta.

O jogador comemorou não apenas o seu gol, o primeiro do jogo, mas também o pênalti convertido por Fred. Segundo ele, é preciso ser confiante para estar lado a lado do ídolo.

- Nós todos sabemos que o Fred é um ídolo do Fluminense, a torcida ama ele. E ele também sempre se cobra para fazer gols e ajudar a equipe. Para jogar ao lado do Fred, tem que ter muita confiança e espírito de guerreiro. Ele sempre vem ajudando e orientando a gente. Graças a Deus ele pode fazer o gol e ter a torcida cantando o nome dele, que é um cara que merece muito. Eu senti a felicidade no rosto dele. O Fred se dedica e trabalha muito. Fiquei feliz demais por ele - contou Luiz Henrique.

Recuperado de uma sobrecarga muscular, o camisa 34 destacou o trabalho feito pelo departamento médico do clube. O jogador desfalcou o Flu em apenas dois jogos, contra o Palmeiras e o Juventude.

- Eu pensei até que ficaria mais tempo fora. Mas graças ao pessoal da fisioterapia, que fez um trabalho muito firme comigo, pude voltar antes. Foram dois jogos fora, em que eu fiquei muito nervoso. Quando vim ao Maracanã (assistir ao jogo contra o Palmeiras) fiquei nervoso, mas voltei agora me sentindo confiante e graças a Deus esse gol me ajudou bastante.

Com apenas mais dois jogos em casa, o ponta direita convocou a torcida para o duelo contra o Internacional, nesta quarta-feira, e frisou a importância do apoio dos tricolores na luta pela classificação na Libertadores.

- Gostaria de chamar a torcida para esse jogo de quarta-feira. Nós precisamos muito desse apoio para lutar com a gente até o final. Temos que entregar tudo. Sabemos que não vai ser fácil, o time do Internacional é muito bom. Mas vamos entrar com o espírito que entramos neste jogo para sair com mais uma vitória - disse o jogador.

Nesta quarta-feira, o Fluminense recebe o Internacional no Maracanã, às 21h30, em jogo válido pela 35ª rodada do Campeonato Brasileiro. A partida será transmitida pelo Premiere e Tempo Real do LANCE!

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos