Luisa Stefani entra no top 15 após semi do US Open

·1 minuto de leitura


A paulistana Luisa Stefani teve mais uma subida em novo ranking divulgado pela Associação das Tenistas Profissionais nesta segunda-feira. Ela estreiano top 15 com a 13ª colocação após a semifinal do US Open.

O resultado foi o melhor de uma brasileira em um Grand Slam após 39 anos, o melhor na dupla feminina desde Maria Esther Bueno em 1968. Luisa foi aos 5005 pontos com os 780 pontos somados e 215 descontados da campanha de 2020 onde havia feito quartas de final.

No ranking do ano, ela e a canadense Gabriela Dabrowski subiram três ao oitavo lugar e estão dentro da zona do WTA Finals que classifica as oito melhores. As duas jogaram apenas quatro torneios juntas com título em Montreal, vice em San Jose e Cincinnati e semi no US Open.

Luisa porém sofreu lesão de ligamento no joelho direito e ainda não se sabe quando voltará a jogar.

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos