Luisa Stefani e Rafael Matos batem locais e vão à semi do Australian Open

Divulgação


A parceria brasileira formada pela paulistana Luisa Stefani e pelo gaúcho Rafael Matos, conquista um feito inédito para os dois tenistas, e está na semifinal das duplas mistas do Australian Open, após frustrarem os experientes locais John Smith e Lizette Cabera.

A parceria do brasileiros conseguiu uma classificação inédita em termos de composição apenas brasileira, após encararem 1h15 de partida e fechar o placar em 6/3 6/4, tendo disparado 24 bolas vencedoras contra 18 de John Patrick Smith e Lizette Cabrera, que converteram os dois aces da partida e cometeram 22 erros não-forçados contra 14 dos brasileiros.

Abrindo a programação da quadra 1573, uma das cinco principais do complexo de Melbourne Park, Stefani e Matos começaram tendo alguma dificuldade para encaixar a devolução do saque de Smith, precisaram salvar dois breakpoints já no 2º game da partida, mas entraram num bom ritmo e venceram quatro games em sequência, com Luisa trabalhando muito bem à rede, conquistando quebras nos 7º e 9º games.
Na segunda etapa, a dupla de brasileiros seguiu confiante, Matos trabalhou sólido com forehand cuzado para conquistar quebra no 4º game, mas a dupla acabou pressionada e quebrada na sequência. Vendo os australianos sacarem para se manterem na partida, Matos e Stefani trabalharam bem junto à rede, buscaram devolver firme no fundo de quadra e fecharam a aprtida conquistando quebra de zero, após erro de voleio na rede de Cabrera.

Luis Stefani e Rafael Matos tentam repetir os passos de Bruno Soares, que foi campeão do Australian Open em 2016 ao lado da russa Elena Vesnina.