Luciano dispara contra a FPF: 'Tem que rever os árbitros que colocam'

LANCE!
·2 minuto de leitura


Na última partida antes da paralização do Campeonato Paulista, decretada pelo governo estadual para a próxima segunda-feira (15), O São Paulo perdeu pelo placar de 2 a 1 para o Novorizontino, fora de casa. O jogo, que marcou a quarta rodada do Paulistão, ficou marcado, porém, por um erro enorme do VAR ao não marcar pênalti do goleiro Giovanni em cima de Luciano. O camisa 11 desabafou sobre o lance após o fim do jogo.


CONFIRA A TABELA ATUALIZADA DO CAMPEONATO PAULSITA DE 2021!

No lance, o atacante do São Paulo estava driblando o goleiro, quando o mesmo atingiu Luciano no peito, o derrubando, sem sequer visar a bola, cometendo o pênalti. No campo, a juíza Edina Alves Batista não deu o pênalti, o que pode ser justificado pela dificuldade de ver o que aconteceu com clareza sem o replay.

O problema está na marcação do VAR, que, mesmo com replays em ângulos que mostram com clareza que Giovanni derruba Luciano sem nem tocar a bola, não indicou que Edina fosse à beira do campo avaliar o lance pela tela do árbitro de vídeo.

Ao fim da partida, Luciano desabafou e reclamou a escolha dos árbitros:

- Difícil falar, porque é complicado. Eu falei para ela que eu não vou deixar de fazer gol para cavar pênalti. O goleiro vem no meu corpo e me derruba. Em vários lances ela complicou o jogo, inverteu falta... Não tenho nada contra ela ou arbitragem, mas a Federação tem que rever os árbitros que colocam para apitar os jogos.

O São Paulo agora não jogará mais no mês de março, pois o campeonato está paralisado do dia 15 até o dia 30 de março, por determinação do Estado de São Paulo, que adota medidas restritivas em combate à Covid-19.