Lucas Braga vê Sánchez como referência e avalia vitória do Santos sobre a Juazeirense

·1 minuto de leitura


O atacante Lucas Braga voltou a balançar as redes pelo Santos na vitória por 4 a 0 sobre a Juazeirense, na Vila Belmiro, pelo duelo de ida das oitavas de final da Copa do Brasil. O camisa 30 marcou o segundo gol do Peixe na partida e avaliou a partida da equipe no mata-mata.

-Uma partida bem equilibrada, principalmente no primeiro tempo. Tivemos dificuldade para furar a linha defensiva deles, e eles estavam marcando muito bem. As coisas só começaram a andar quando fizemos o primeiro gol, daí os espaços foram gerados e aí os outros gols vieram - avaliou o atacante.

Ainda nos acréscimos, o meia uruguaio Carlos Sánchez fechou o placar para o Santos e ultrapassou o colombiano Jonatan Copete se tornando o maior artilheiro estrangeiro da história do clube. Lucas Braga revelou o carinho pelo camisa 7.

- O Sanchez é um ícone para todos nós, uma referência e um exemplo. Ficamos felizes por ele ter alcançado essa marca, que era do Copete, outro cara fora de série. Ficamos felizes pelo Sanchez, ele merece, é um líder dentro do elenco - revelou Lucas Braga.

O atacante chegou a marca de 6 gols marcados pelo Santos na temporada e é o terceiro artilheiro do Peixe apenas atrás de Marinho com 7 gols e Kaio Jorge com 8 gols.

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos