Lucas Barrios celebra boa fase e se diz feliz por escolher o Grêmio

(Foto: Lucas Uebel/Divulgação/Grêmio)

Autor de dois gols da vitória gremista por 3 a 1 sobre o Fluminense, na Copa do Brasil, na última quarta-feira, o atacante Lucas Barrios recuperou a fase goleadora e alcançou nove gols na temporada.

Feliz com a escolha pelo Grêmio, o argentino naturalizado paraguaio, prefere dividir os louros com os companheiros de time e com o treinador Renato Portaluppi.

- Acho que estou em um bom momento, mas isso é um conjunto. Como você é tratado, o apoio do treinador. As coisas estão acontecendo e estou aproveitando. Sabia que o Grêmio era grande, mas ao conviver aqui, percebi que é clube ainda maior. Uma das melhores decisões da minha carreira foi vir para o Grêmio - comentou o camisa 18 do Tricolor.

Ao mesmo tempo que cresce no coração dos gremistas, Barrios vê a idolatria do companheiro Luan diminuir. O gringo, porém, discorda de boa parte da torcida e crê que o jovem parceiro de ataque é importante para a armação das jogadas:

- Eu não acho (que esteja em má fase). Ao contrário. O Luan abre as jogadas, abre o jogo para a gente. É totalmente diferente. Às vezes, acontece de não fazer gols. Um jogador quando abre espaço, pega bola, faz a jogda. Ontem (quarta), quem iniciou a jogada do gol foi o Luan. Ninguém fala disso. Falam por que não fez gol. Ele não tem que demonstrar nada para ninguém. Mostrou no Grêmio e na Seleção. Eu não conhecia ele, e já dava para ver que era diferente. Tem que apoiar, como ele apoiou. Tem fases. Acontecem fases que não são tão boas. Só falta fazer um gol. Isso acontece naturalmente - completou.

O Grêmio volta a campo no próximo domingo, às 16h, quando encara o Atlético-PR, fora de casa, pela segunda rodada do Campeonato Brasileiro. Os gaúchos estão em 5°, com três pontos.









E MAIS: