Lucão, do Vasco, é convocado para os Jogos Olímpicos de Tóquio

  • Opa!
    Algo deu errado.
    Tente novamente mais tarde.
·2 minuto de leitura
  • Opa!
    Algo deu errado.
    Tente novamente mais tarde.


O técnico da Seleção Olímpica, André Jardine, convocou Lucão, do Vasco, para os Jogos de Tóquio. O goleiro foi chamado após o regulamento da competição ampliar o número de convocados para 22. Em entrevista ao site oficial do clube, o jovem de 20 anos admitiu que foi pego de surpresa e destacou que realiza um sonho.

– Eu fui pego de surpresa. É lógico que tinha uma expectativa, mas nunca imaginei que isso chegaria tão rápido. E a primeira coisa que aconteceu foi passar um filme na minha cabeça. É a realização de um sonho para mim e toda minha família. Queria que meu pai estivesse aqui para festejar com ele esse momento, mas sei que lá de cima ele está feliz e vibrando muito com essa notícia – afirmou Lucão.

> Veja momentos em que o Vasco defendeu as causas sociais

Esta, inclusive, é a terceira edição consecutiva em que o Vasco terá um representante nos Jogos Olímpicos: em Londres 2012, o volante Romulo foi convocado para defender a Seleção; e no Rio 2016, Luan, então zagueiro do clube, foi chamado e conquistou o ouro olímpico naquele ano. O lateral Zeca, que ainda não estava no Cruz-Maltino, também fazia parte do grupo de jogadores que venceu a Alemanha no Maracanã.

Lucão foi comunicado de que foi convocado para defender a Seleção Brasileira, no Japão, na última quinta-feira pelo diretor executivo de futebol Alexandre Pássaro. Agora, ele se junta a um seleto grupo de jogadores que representaram o Vasco nos Jogos Olímpicos.

Lucão - CRVG
Lucão - CRVG

Foto: Rafael Ribeiro/Vasco

Ao longo da história, o Gigante da Colina cedeu 12 jogadores para a Seleção Masculina sub-23, são eles: Adésio, Carlos Alberto, Jansen e Vavá (Helsinque, 1952), Wanderley (Roma, 1960), Roberto Dinamite (Munique, 1972), Geovani, Mazinho e Romário (Seoul, 1988), Hélton (Sidney, 2000), Romulo (Londres, 2012) e Luan (Rio, 2016).

– Minha expectativa é a melhor possível. Quero junto com os meus companheiros trazer a medalha de ouro, manter esse ouro no nosso país. Vou procurar pegar bastante experiência, aproveitar ao máximo o tempo que tiver lá, pois estarei ao lado de jogadores fenomenais, como o Santos, goleiro do Athletico Paranaense. É muito importante para a minha carreira disputar a competição, fazer parte da Seleção – complementou Lucão.

Este conteúdo não está disponível devido às suas preferências de privacidade.
Para vê-los, atualize suas configurações aqui.
Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos