Luan cria mal-estar no Atlético-MG ao cantar hino do Corinthians

Yahoo Esportes
Luan é ídolo da torcida, mas vive um momento de baixa no Atlético-MG e tem jogado pouco (Alessandra Torres/AGIF)
Luan é ídolo da torcida, mas vive um momento de baixa no Atlético-MG e tem jogado pouco (Alessandra Torres/AGIF)

Fora da primeira partida da semifinal da Copa Sul-Americana, contra o Colón, na Argentina, o meia-atacante Luan não passar por um bom momento no Atlético-MG. Além da pouca aparição nos jogos após a Copa América, sendo apenas uma vez como titular, o atleta criou um mal-estar dentro do vestiário da Cidade do Galo por cantar o hino do Corinthians, que pode enfrentar a equipe mineira numa eventual final continental.

SIGA O YAHOO ESPORTES NO INSTAGRAM

Role para baixo para continuar lendo
Anúncio

Em tom de brincadeira, Luan disse para os demais jogadores que o Atlético não será o campeão da Copa Sul-Americana. O camisa 27 comentou sobre a possibilidade de queda diante do Colón ou uma derrota para o Corinthians, na decisão marcada para o dia 9 de novembro, no Estádio Nueva Olla, em Assunção, no Paraguai. Luan completou a brincadeira cantando o hino do Corinthians.

Leia também:

Atitude que não foi bem recebida pelos demais jogadores. O fato foi confirmado ao Blog por diversas fontes. No Atlético a ausência de Luan não é vista como uma punição, mas apenas como uma decisão técnica. Assim como já aconteceu com Geuvânio, Nathan, Maicon Bolt e outros atletas, que ficaram fora dos relacionados em algum momento da temporada, sempre por decisão técnica.

Falta de foco tirou Luan da viagem

Embora tenha criando um mal-estar no vestiário da Cidade do Galo, esse não foi motivo que fez o jogador ficar fora da viagem para a Argentina. Na avaliação da comissão técnica, Luan não tem se empenhado nos treinamentos. A falta de foco foi um dos pontos diagnosticados pelos profissionais do Atlético.

Inclusive, o jogador já foi cobrado por isso. Demonstrar mais felicidade durante os treinos e ter maior aproximação dos companheiros foram alguns dos pedidos feitos a Luan pela comissão alvinegra. Enquanto a delegação do Atlético está na Argentina e se prepara para o jogo com o Colón, o camisa 27 tem uma rotina de treinos, para tentar recuperar o espaço entre os relacionados. Até mesmo nessa segunda-feira, antes de saber que ficaria fora da viagem, o meia atacante treinou na Cidade do Galo, num dia que era folga.

Se por um lado a ausência de Luan entre os relacionados causa um certo espanto para quem não acompanha os treinos do Atlético, os poucos minutos em campo desde a Copa América já não são mais nenhuma surpresa. Desde julho, Luan disputou sete das 16 partidas do Atlético, sendo apenas uma como titular, na derrota para o Cruzeiro, por 3 a 0, pela Copa do Brasil, justamente o primeiro compromisso depois do torneio de seleções. Luan tem somente dois gols e seis assistências nas 37 partidas que disputou em 2019.

Ciclo perto do fim?

Não há dúvidas que Luan está nas primeiras colocações quando o assunto é identificação com o Atlético e com a torcida, numa comparação entre os jogadores do atual elenco. Já são sete anos de clube, gols importantes e títulos, como a Copa Libertadores de 2013 e a Copa do Brasil do ano seguinte. Todavia o longo histórico com a camisa atleticana não é uma garantia de permanência para 2020.

Em maio do ano passado o meia-atacante renovou contrato até abril de 2021, mas o cenário atual aponta para uma saída da Cidade do Galo. E Luan já pensa sobre a possibilidade da troca de clube faz algum tempo. Em janeiro, por exemplo, o jogador foi procurado pelo próprio Corinthians e se mostrou balançado com o interesse da equipe paulista.

“Chegou proposta do Corinthians. Não vou ser hipócrita de falar que não. Balançou um pouco. Vou deixar para meu empresário, para a diretoria. Torcedor sabe qual a responsabilidade de vestir essa camisa. Nunca desapontei a massa, nunca desmereci meus companheiros. Sempre continuei trabalhando. Poderia sumir, igual uns sumiram aí, não apresentaram. Mas não”, disse Luan há oito meses.

Luan nega ter cantado o hino

Poucos minutos após a publicação, Luan entrou em contato com o Blog, via assessoria. O jogador negou ter cantado o hino do Corinthians, além de não dizer que o Atlético não será campeão da Sul-Americana. Luan ainda deixou claro que segue na torcida pelo Atlético-MG e, inclusive, ressaltou a importância de mais uma conquista continental com o Galo.

“Seria ótimo para o meu currículo colocar o título da Sul-Americana. Sigo na torcida para meus companheiros e estou à disposição do treinador para os jogos seguintes”.

Siga o Yahoo Esportes

Twitter | Flipboard | Facebook | Spotify | iTunes | Playerhunter

Leia também