Londrina vence o Remo fora de casa, aumenta série invicta, mas não sai do Z4 da Série B

·4 min de leitura


Na noite desta terça-feira (2), o Londrina foi até Belém e venceu o Remo, por 1 a 0, em partida válida pela 33ª rodada do Brasileirão Série B 2021. Com o gol de Zeca em falha do zagueiro Romércio, o time paranaense chegou ao seu quinto jogo de invencibilidade, mas fica ainda no 17° lugar, dentro do Z4, com 38 pontos. Por outro lado, o Leão segue na 11ª posição, com 41.

Agora, as duas equipes voltam a campo na próxima sexta-feira (5). Às 17h, o Remo visita o CSA. Enquanto isso, às 21h30, o Londrina recebe o Cruzeiro. Ambas as partidas são válidas pela 34ª rodada do Brasileirão Série B 2021.

>Aplicativo de resultados do LANCE! está disponível na versão iOS

Goleiros trabalham
O começo do jogo no Baenão se mostrou promissor. Logo nos movimentos iniciais, o Londrina teve a chance abrir o placar em uma saída errada do goleiro Thiago Coelho. Entretanto, Roberto invadiu a área, mas parou no arqueiro, que se redimiu.

Depois da chegada inicial, os visitantes passaram a se defender muito mais do que atacar. Em casa, o Remo passou a se impor e levou perigo ao gol de César. O goleiro do Londrina interveio bem em chutes de Lucas Tocantins e Matheus Oliveira, além de só observar os disparos de longe de Lucas Siqueira.

Vacilou, levou!
A partida continuou com muita intensidade na metade da primeira etapa. O Londrina chegou mais duas vezes. Roberto bateu colocado, e a bola passou raspando a trave. Em seguida, Luiz Henrique ganhou da defesa no escanteio, obrigando Thiago Coelho a espalmar.

Em resposta, o Remo também passou perto do gol duas vezes. Gedoz cruzou rasteiro, mas Matheus Oliveira furou na primeira trave. Pouco depois, Thiago Ennes entrou na área, mas César fechou bem o ângulo. Aos 28 minutos o placar finalmente foi aberto. Romércio dominou mal na defesa, e Zeca roubou a bola. Com categoria, o atacante bateu colocado, de fora da área, abrindo o placar para o Londrina no Baenão.

Pressão remista
Depois do gol, o Londrina se fechou no seu campo e passou a optar ainda mais pelos contra-ataques, o que acabou não acontecendo devido às poucas oportunidades reais. Enquanto isso, o Remo se fez muito presente no campo de ataque.

Apesar de toda a pressão, a equipe da casa não conseguiu obrigar César a fazer grandes defesas. O ímpeto remista parou na defesa adversária e nas várias reclamações de pênaltis, sendo que todas elas resultaram no árbitro mandando o jogo seguir, levando o 1 a 0 a favor do Londrina para o intervalo.

Voltou como terminou
Os primeiros movimentos da segunda etapa mostraram exatamente o que foi o final da primeira: um Remo mais interessado. Entretanto, a finalização continuou sendo o principal problema dos paraenses. Matheus Oliveira cruzou na área, e a bola passou por todo mundo, com Romércio quase chegando nela. Três minutos depois, Lucas Tocantins saiu cara a cara com César, mas o goleiro fechou bem o ângulo.

Por outro lado, o Londrina continuou fechado no seu campo defensivo, o que fez com que Zeca recebesse poucas oportunidades na frente. Na única que teve, o atacante fez de tudo para finalizar, mas Thiago Coelho defendeu sem maiores problemas.

Não deu!
O Remo ganhou ânimo com as substituições promovidas da metade para frente da etapa final, principalmente com Victor Andrade. Por duas vezes, o atacante levou perigo a César, que interveio bem em um chute quente e só observou outra finalização do atacante passar perto da trave.

Ainda discreto e pouco ofensivo, o Londrina tentou manter a posse de bola o máximo de tempo possível para fazer o relógio andar. Na sua melhor oportunidade, o Tubarão levou perigo com Victor Daniel, que chutou e viu a bola ainda bater em Mossoró antes de passar com perigo ao lado do gol. César ainda fez milagre em chute de Neto Pessoa nos acréscimos para garantir a vitória dos paranaenses, no Baenão.

FICHA TÉCNICA
REMO 0 X 1 LONDRINA
​​​​​Local
: Baenão, em Belém (PA)
Data/Horário: 02 de novembro de 2021 (terça-feira), às 19h
Árbitro: Bruno Arleu de Araújo (RJ)
Assistentes: Rodrigo Figueiredo Henrique Correa (RJ) e Thiago Rosa de Oliveira (RJ)
Gol: Zeca (28'/1°T) (0-1)
Cartões amarelos: Neto Pessoa, Matheus Oliveira (Remo)

REMO: Thiago Coelho; Thiago Ennes, Romércio, Rafael Jansen e Raimar; Arthur (Jefferson, aos 14'/2°T) e Lucas Siqueira (Ronald, aos 35'/2°T); Marcos Júnior (Neto Moura, aos 21'/2°T), Felipe Gedoz (Neto Pessoa, aos 35'/2°T) e Matheus Oliveira; Lucas Tocantins (Victor Andrade, aos 21'/2°T). Técnico: Felipe Conceição.

LONDRINA: César; Elácio Córdoba (Matheus Bianqui, aos 29'/2°T), Marcondes, Augusto e Eltinho; João Paulo, Jhonny Lucas e Marcelo Freitas (Jean Henrique, aos 18'/2°T); Luiz Henrique (Mossoró, aos 18'/2°T), Roberto (Victor Daniel, aos 29'/2°T) e Zeca (Salatiel, aos 10'/2°T). Técnico: Márcio Fernandes.

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos