Lloris exalta papel de Varane na França e avalia reencontro com a Dinamarca: 'Será uma batalha'


Neste sábado, França e Dinamarca fazem o duelo mais aguardado do Grupo D da Copa do Mundo. As seleções são as mais fortes da chave e o capitão Hugo Lloris sabe bem das dificuldades que enfrentarão no Estádio 974, a partir das 13h (de Brasília). Nos dois jogos que disputaram em 2021, os Bleus foram derrotados pelos dinamarqueses. Para o goleiro, será uma "batalha".

- Amanhã vai ser uma batalha. A Dinamarca precisa do resultado - comentou o camisa 1:

- É uma competição diferente, mas mostra o nível da Dinamarca. É um time muito competitivo. Estamos cientes da importância da partida, vai decidir a classificação. Nós estamos prontos - afirmou Lloris.

Com três pontos, a França garantirá a classificação para a segunda fase em caso de vitória sobre a Dinamarca, que, por sua vez, quer vencer pela primeira vez no Grupo D, após estrear com empate. Tunísia e Austrália se enfrentam às 7h deste sábado.

Varane - França Copa do Mundo
Varane - França Copa do Mundo

O zagueiro Varane, líder da seleção francesa (Foto: Franck Fife/AFP)

FRANÇA COM MUDANÇAS

Para o segundo jogo da chave, a seleção francesa terá mudanças. Lucas Hernández, lesionado, deve dar lugar a seu irmão Theo. O técnico Didier Deschamps indicou que outras alterações podem ser feitas. Uma possibilidade é o retorno de Varane à zaga, e Hugo Lloris exaltou a presença do zagueiro.

- Ele traz uma serenidade ao grupo com sua calma, com sua experiência. É um líder e tem um papel muito importante na seleção. Sentimos que ele está bem, apesar do medo de perder a Copa. Ele está calmo e pronto para lutar com o time.

Confira outras respostas do goleiro e capitão da França, Hugo Lloris:

Atuação de Griezmann contra a Austrália

"Acima de tudo, vejo o Antoine feliz, com um sorriso, à disposição para marcar, para atacar. É um jogador que se conecta com os outros, um jogador de grupo, que faz os companheiros brilharem."

Ambiente do grupo


"Se queremos ir longe no torneio, é melhor ter um time com uma boa energia, e esse é o caso. Sempre correspondemos da melhor maneira possível. Vamos poder julgar esse grupo quando enfrentarmos dificuldades."

Evolução do Rabiot


"Muito tem sido feito nas ausências de Kanté e Pogba, que são fundamentais no time da França, mas há jogador que podem assumir essa responsabilidade. É o caso do Rabiot, que tem muita qualidade. A oportunidade se apresentou na hora certa. Ele está pronto."