Liverpool não seria campeão inglês caso temporada fosse cancelada


Segundo o presidente da Uefa, Aleksander Ceferin, o Liverpool não vai ser coroado como campeão inglês caso o coronavírus force um encerramento precoce da temporada de futebol na Europa. Apesar da larga vantagem de 25 pontos para o vice-líder, Manchester City, ainda não há uma previsão certa para um possível retorno da competição e é cada vez mais improvável que uma volta aconteça no próximo mês de abril.

O mandatário da entidade máxima do futebol europeu desmentiu todas as notícias veiculadas acerca de um possível cancelamento dos campeonatos nacionais.

- Vi e ouvi notícias falsas de que a Uefa aconselhou as ligas a terminarem o campeonato agora e decidir que os vencedores são os que estão em primeiro no momento. Nosso objetivo é terminar as competições e não recomendamos nada disso às ligas.

Luis Rubiales, presidente da Federação Espanhola, também comentou sobre esse possível modelos, mas não foi favorável assim como Ceferin.

- Eu não posso garantir que, como muitos dizem, as competições terminem antes de 30 de junho. É injusto que o campeonato acabe com a classificação atual.

Com a Eurocopa transferida para 2021, há mais espaço no calendário para que as competições nacionais se ajustem. No entanto, tudo irá depender da evolução do vírus no Velho Continente uma vez que especialistas ainda dizem que o pior ainda pode estar por vir em diversos países europeus.











Role para baixo para continuar lendo
Anúncio

Leia também