Liverpool é visto como exemplo para Corinthians na Sul-Americana

O Corinthians precisa superar o Independiente del Valle por três gols de diferença na próxima quarta-feira, em Quito, se quiser ir à final da Copa Sul-Americana. Seria um feito inédito para a equipe de Fábio Carille nesse ano, mas, Vagner Love segue confiante, e lembra a semifinal da última Liga dos Campeões da Europa para não perder sua fé.

“Tem jogos no futebol que a gente nunca imagina que a situação vai ser revertida. Neste ano mesmo, na Champions, Barcelona fez 3 a 0 no Liverpool em casa, e depois eles viraram um jogo que ninguém acreditava. Futebol te dá momentos de virar situações que muitas vezes algumas pessoas não acreditam”, afirmou o camisa 9.

Role para baixo para continuar lendo
Anúncio

nos vestiários do jogo amistoso entre Londrina/PR x Corinthians/SP esta manha no Estádio Willie Davids Cruz, em Maringá/PR, como preparação para o Campeonato Brasileiro de 2019. Juiz: Nilo Neves de Souza – Maringa/PR – Brasil – 0707/2019. Foto: © Daniel Augusto Jr. / Ag. Corinthians

“Por viver futebol e estar no Corinthians, eu acredito muito que a gente vai conseguir essa classificação semana que vem”, reforçou.

A confiança não significa que Vagner Love deixa de observar a necessidade de evolução do Corinthians, principalmente em relação ao que o time apresentou no confronto de ida, em Itaquera.

“A gente conversa bastante, o que a gente pensa, o que a gente acha. Coisas que não vamos passar (ao público). O que posso falar, são as cobranças, a gente se cobra”, disse. “Temos que ter atitude para saber que fizemos jogos ruins e que temos que melhorar esse aspecto”.

Antes do torneio continental, o Corinthians tem pela frente o Bahia, neste sábado, pelo Campeonato Brasileiro, de novo na Arena de Itaquera.



Leia também