Lisca fala sobre amizade com Andrey Lopes e projeta confronto com Palmeiras: ‘Grande honra’

LANCE!/NOSSO PALESTRA
·1 minuto de leitura


O Palmeiras empatou com o Ceará na última quarta-feira (18) e, com o resultado, avançou às semifinais da Copa do Brasil. Agora, enfrentará o América-MG, comandado por Lisca, que, em entrevista ao programa Jogo Aberto nesta quinta-feira (19), comentou sobre a sua relação com o auxiliar técnico do Verdão, Andrey Lopes:

– Andrey Lopes, o Cebola, é um grande amigo meu. Nós fomos colegas de faculdade e há duas, três semanas, quando ele assumiu o time, a gente trocou muitas ideias. Ele tava procurando implementar uma nova maneira de jogar no Palmeiras e a gente trocou uma série de informações. Eu jamais imaginava que nós iríamos pegá-los na Copa do Brasil. O Cebola fez um grande trabalho, deixou já encaminhado pro Abel, português que eu tenho informações de que tem muita qualidade de trabalho, é muito competente também.

Andrey Lopes Palmeiras
Andrey Lopes Palmeiras

Andrey Lopes venceu quatro dos cincos jogos que disputou no comando do Palmeiras (Foto: Cesar Greco/Palmeiras)

O comandante do Coelho falou, também, sobre o estilo de jogo do Verdão imposto inicialmente por Cebola, após a demissão de Vanderlei Luxemburgo.

– O modelo de jogo do Palmeiras realmente mudou. Eles jogam com três no meio, o Zé Rafael, o Raphael Veiga, que cresceu muito nessa nova função que o Cebola colocou ele, como um meia pelo lado direito, e um volante que era o Felipe Melo. Pra nós, é uma honra muito grande. Se a gente está disputando uma semifinal com o Palmeiras, é porque estamos ombro a ombro com os maiores times do país. Isso não tem preço.

O Palmeiras, em busca do tetracampeonato, enfrentará o América-MG nos dias 23 e 30 de dezembro para decidir uma vaga na decisão da Copa do Brasil 2020.