Liberados pelo DM, Rodrigo Caio e Gerson podem reforçar o Flamengo na final do Carioca

  • Opa!
    Algo deu errado.
    Tente novamente mais tarde.
·1 minuto de leitura
  • Opa!
    Algo deu errado.
    Tente novamente mais tarde.


Enquanto a delegação do Flamengo que viajou ao Chile recebeu folga nesta quarta-feira, os atletas que ficaram no Rio de Janeiro treinaram normalmente no Ninho do Urubu. Dois deles, inclusive, têm grande chance de reforçar a equipe na primeira partida da final do Carioca, contra o Fluminense, no sábado: Rodrigo Caio e Gerson. A informação foi divulgada inicialmente pelo site "ge".

+ Mesmo com tropeço, Flamengo tem chance de garantir classificação ainda nesta rodada; veja cenários

Recuperados de lesões musculares na coxa, o zagueiro e o volante serão reintegrados ao restante do elenco no treino desta quinta-feira e, se não se queixarem de dores, ficarão à disposição de Rogério Ceni. A dupla vem trabalhando em período integral desde segunda-feira e já realiza atividades físicas e com bola no gramado do CT.

Outro que pode retornar é Diego Alves. O goleiro não sente mais dores na coxa, onde teve uma fibrose detectada há uma semana, e será reavaliado pelo departamento médico. Pelo histórico recente de problemas físicos, há a cautela para avaliar se vale a pena correr o risco de gerar outra lesão ou se é melhor preservá-lo para o duelo com a LDU, na próxima semana.

+ Confira a tabela da Libertadores e simule os resultados

O Flamengo já tem pelo menos quatro desfalques certos. Renê e Michael seguem tratamento na fisioterapia e foram vetados para a primeira partida da decisão. Além deles, César e Thiago Maia continuam o processo de recuperação das cirurgias no joelho.

O primeiro Fla-Flu, pela final do Carioca 2021, será disputado no sábado, às 21h05 (de Brasília), no Maracanã. Não há vantagem e em caso de resultados iguais o título será decidido nos pênaltis.

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos