Lewis Hamilton se encontrará com lideranças sociais para discutir sobre a realidade do Brasil

Hamilton chegou ao Brasil para receber título na capital federal (Foto: AFP)


Lewis Hamilton terá uma agenda cheia em sua visita ao Brasil. O piloto inglês está em Brasília, para receber o título de cidadão honorário brasileiro, que será entregue em uma cerimônia especial na Câmara dos Deputados nesta segunda-feira. Após o evento, o heptacampeão mundial de Fórmula 1 se reunirá com lideranças sociais para discutir sobre a realidade do país.

+ Todas camisas reveladas! Veja os uniformes das seleções lançados para a Copa do Mundo

Hamilton é o primeiro piloto que estará do GP de Interlagos, em São Paulo, a chegar ao Brasil. O Grande Prêmio ocorre no próximo fim de semana, onde Hamilton escreveu capítulos importantes de sua história. Antes da corrida, o novo cidadão brasileiro busca estreitar os seus laços com o país conhecendo a realidade do Brasil a partir de várias perspectivas.

PRIMEIROS PASSOS COMO BRASILEIRO

Um dos presentes no encontro é o comunicador social Rene Silva, fundador da ONG Voz das Comunidades, um veículo de comunicação comunitária das favelas do Rio de Janeiro. Em entrevista ao LANCE!, ele falou sobre a importância da ação do piloto.

- Com toda visibilidade e notoriedade que Lewis Hamilton tem, é muito importante que ele tenha interesse pela agenda social e racial no mundo, principalmente no Brasil, onde o racismo ainda é muito grande e estamos atrasados em muitas pautas de avanço da sociedade e reconhecimento do povo preto - iniciou Rene, que acrescentou:

- Acredito que essa agenda e esse reconhecimento como cidadão honorário brasileiro influenciará e poderá ter um bom impacto nos movimentos sociais, principalmente porque muitas empresas e empresários podem nos enxergar de modo diferente. Somos potência, não carência - completou.

+ Após provocação, Lewis Hamilton ironiza opinião de Alonso sobre títulos da F1: 'Me faz rir'

FORTE LIGAÇÃO COM O BRASIL

O heptacampeão mundial de Fórmula 1 foi nomeado para o título de cidadão honorário brasileiro em junho, em um projeto realizado por conta de seu gesto na última corrida realizada em Interlagos, em 2021.

No ano passado, Lewis Hamilton venceu Max Verstappen em um dos GP's mais emocionantes dos últimos anos e repetiu o gesto de Ayrton Senna, seu grande ídolo, segurando a bandeira do Brasil enquanto celebrava a vitória dentro de seu carro. Ele, que frequentemente defende as causas socioambientais do país, se manteve com a bandeira no pódio.

GRANDE PRÊMIO DO BRASIL

O piloto se prepara, também, para o GP de Interlagos, em São Paulo, que será realizado neste fim de semana. Essa será a penúltima etapa da Fórmula 1 na temporada, na qual Max Verstappen, com 14 vitórias, já é o vencedor entre os esportistas individuais.