Lewandowski seguirá cobrando pênaltis pela Polônia apesar de ter perdido contra México

Robert Lewandowski lamenta pênalti perdido durante partida da Polônia contra o México na Copa do Mundo do Catar

Por Anita Kobylinska

AL RAYYAN, Catar (Reuters) - O atacante Robert Lewandowski continuará a cobrar qualquer pênalti pela Polônia na Copa do Mundo do Catar, disse o técnico Czeslaw Michniewicz nesta sexta-feira, acrescentando que a equipe permanece calma após o empate na estreia do Mundial contra o México.

Lewandowski não conseguiu abrir o placar contra os mexicanos quando sua cobrança de pênalti foi defendido pelo goleiro Guillermo Ochoa no duelo da última terça-feira.

"Falei com toda a equipe sobre a partida contra o México, incluindo Robert Lewandowski", disse Michniewicz em uma entrevista coletiva.

"Em relação aos pênaltis, nada mudou --Robert ainda é designado como o primeiro jogador a executá-los", disse.

"É claro que, se houver tal chance, ele tomará a decisão se vai chutar ou dar a oportunidade para outra pessoa. Tudo depende dele. Ele se sente à altura de cobrar mais penalidades, nada mudou aqui."

O técnico enfatizou que o empate com o México, que deixou a Polônia em segundo lugar no Grupo C, ficou no passado e a equipe se prepara calmamente para o jogo contra o surpreendente líder da chave, a Arábia Saudita, no sábado.

"Temos nossas mentes limpas, porque encerramos este assunto", disse Michniewicz. "Não sucumbimos à pressão, quer alguém queira que joguemos com uma escalação ou outra."

"Sabemos o que podemos fazer melhor, o que precisamos fazer melhor, e o que funcionou bem. Então o resultado é sempre uma questão em aberto", disse.

Michniewicz acrescentou que a Polônia não mudaria de tática apenas porque o jogo de abertura não seguiu inteiramente da forma que gostaria.

"Não estamos agindo por impulso", disse ele. "É claro que fazemos ajustes,... mas depois de uma partida não viramos tudo de cabeça para baixo."