Lewandowski fala sobre chance de disputar última Copa e coloca Brasil e Argentina como favoritos

Robert Lewandowski elogiou a Argentina, principal adversária no Grupo C da Copa (ANDREJ ISAKOVIC / AFP)


A Copa do Mundo ainda nem começou, mas Robert Lewandowski já foi questionado sobre a possibilidade de se despedir da competição em 2022. Em coletiva de imprensa, o centroavante abriu o jogo sobre seu futuro.

- Ainda não começamos a jogar e já estamos falando do fim. Não sei se será a última. Estou me preparando como se fosse, mas o tempo dirá. Embora eu perceba que fisicamente poderei jogar em três anos e meio, muitos outros fatores podem afetar isso. É definitivamente muito cedo para isso.

+ Conheça a nova música da Argentina para a Copa do Mundo

O veterano também foi perguntado sobre os favoritos para a conquista do Mundial do Qatar e afirmou que Brasil e Argentina estão um pouco à frente dos demais.

- É difícil prever. Hoje, são Brasil e Argentina, e no que diz respeito às seleções da Europa, Espanha, Alemanha e França. Isso será decidido durante os campeonatos. Veremos como cada equipe chega e qual pode ir mais longe para vencer. Para mim, essas são as equipes favoritas.

Aos 34 anos, Lewandowski se prepara para a estreia na Copa do Mundo diante do México na próxima terça-feira. A Polônia deve lutar com a equipe de Tata Martino por uma vaga nas oitavas de final da competição.