Lesionados trabalham no Reffis em dias de folga do São Paulo

Eliminado da Copa do Brasil e do Campeonato Paulista, o elenco do São Paulo ganhou dois dias de folga antes de retomar os treinos nesta quarta-feira. Com exceção para três jogadores. Recuperando-se de lesão, Buffarini, Araruna e Wellington Nem trabalharam em período integral na última segunda no Reffis do CCT da Barra Funda e farão o mesmo nesta terça, de acordo com a assessoria do clube.

O caso dos dois primeiros é um pouco mais simples. Ambos sofreram estiramento no músculo adutor da coxa esquerda, lesão que normalmente tira os jogadores dos gramados por um período de duas a quatro semanas.

Buffarini machucou durante a derrota por 2 a 0 para o Cruzeiro, em 13 de abril, no Morumbi, pelo jogo de ida da quarta fase da Copa do Brasil. Três dias depois, no mesmo estádio, Araruna sentiu a lesão no revés por 2 a 0 para o Corinthians, pelo primeiro duelo válido pelas semifinais do Paulistão.

Ainda no Majestoso do dia 16, o Tricolor sofreu outra baixa. Logo aos 18 minutos do primeiro tempo, Wellington Nem teve de deixar o campo em função de dores no joelho esquerdo. Após a realização de exames, foi atestada a necessidade de uma artroscopia para correção do menisco.

O procedimento foi realizado na última quinta-feira (20), no HCor, em São Paulo. Normalmente, após cirurgias desse tipo, o jogador leva em torno de um mês para voltar a ficar à disposição.

A tendência é que Araruna e Buffarini já estejam integrados ao restante do elenco no próximo compromisso da equipe, o duelo de volta contra o Defensa y Justicia-ARG, em 11 de maio, no Morumbi, pela primeira fase da Copa Sul-Americana, enquanto Nem deve retornar apenas nas primeiras rodadas do Campeonato Brasileiro.