Leroy Sané no Bayern? Guardiola confirma que alemão deixará o Manchester City

Goal.com

Tido como o grande alvo do Bayern de Munique, mais uma vez campeão alemão com números espetaculares, Leroy Sané não renovará seu contrato com o Manchester City. A informação é do próprio treinador da equipe, Pep Guardiola.

O técnico catalão foi bem claro quanto a situação e confirmou que o clube fez várias propostas pela renovação com o atacante, mas todas foram rejeitadas, um sinal claro de que ele realmente quer deixar a equipe. 

"Leroy disse que não quer prorrogar o contrato", disse Guardiola em entrevista coletiva que precede o confronto contra o Burnley, na próxima segunda-feira (22).

Role para baixo para continuar lendo
Anúncio

"Isso significa que ele quer ir embora. Isso vai acontecer neste verão ou no final de seu contrato. O clube ofereceu duas ou três propostas e ele rejeitou, então ele vai jogar por outro clube", afirmou.

Sem a extensão do vínculo, o jogador alemão entrará em seu último ano de contrato com os Citizens no início da próxima temporada. Assim, caso o City não acerte sua venda na próxima janela de transferências, o jogador pode deixar o clube de graça ao final de seu contrato.

Com isso, é provável que Sané siga para Munique no próximo verão europeu, mas para tal, os clubes ainda precisam chegar a um acordo referente ao valor a ser pago pelo jogador. Mesmo com a ameaça de perdê-lo de graça posteriormente, o City não espera receber pouco dinheiro na negociação.

"Leroy se recusou a estender o contrato e todo mundo sabe disso. Se no final desta temporada os dois clubes chegarem a um acordo ele vai sair. Se não, ele ficará mais um ano".

Pep Guardiola Leroy Sane Manchester City 2018-19
Pep Guardiola Leroy Sane Manchester City 2018-19
Foto: Getty Images

Sané foi comprado pelo City por 52 milhões de euros, em 2016, e mostrou grande evolução na equipe. Ao lado de Aguero e Sterling, ele formou o ataque da histórica equipe que venceu a Premier League em 2019 batendo diversos recordes com um nível de atuação espetacular. Até por isso, Guardiola não escondeu sua decepção com a iminente saída do jogador de 24 anos.

"Estou muito decepcionado. Nós gostaríamos que ele ficasse. Ele é um jogador jovem, com um potencial enorme e uma qualidade incrível. E isso é difícil de encontrar em todo o mundo”, destacou.

“ Mas eu entendo. Queremos jogadores que queiram jogar neste clube. Nós o respeitamos, ele é um cara incrivelmente legal. Nós o amamos, eu o amo muito. Ele é educado, tem uma família legal. Mas ele decidiu que quer outra aventura para sua carreira".

Mesmo já recuperado de lesão, o jovem não foi utilizado por Guardiola na vitória do City sobre o Arsenal, na última quarta-feira(17), por 3 a 0. Caso ele siga sem entrar em campo nas próximas partidas, sua saída pode estar realmente próxima.

Leia também