Lembrança gloriosa: em outra realidade, Vasco volta ao palco do título da Copa do Brasil 2011

·3 minuto de leitura


O último título nacional do Vasco foi no Couto Pereira, quando a equipe ergueu o troféu da Copa do Brasil em 2011. 10 anos depois, o clube convive com outra realidade: a quarta queda para a Série B de sua história, problemas financeiros, e a luta para entrar no G4 da competição. Sem perder há dois jogos, o time tentará nesta terça contra o Coritiba, no Alto da Glória, confirmar a ascensão também fora de casa, e entrar na zona de acesso à primeira divisão.

+ Confira e simule a tabela da Série B do Campeonato Brasileiro


A conquista completou uma década em junho, e desde então o clube carioca se ausentou do papel de protagonista. Um reflexo de brigas políticas, que deixaram o Cruz-Maltino de lado, e o atolaram em dívidas, penhoras e más administrações. Dentro de campo, mais três rebaixamentos, e conquistas cada vez mais raras para uma instituição centenária e gigantesca.

+ Dez anos da Copa do Brasil do Vasco: A luta de um clube contra a lenda do canto do cisne

Em busca da recuperação financeira fora de campo, o retorno à elite do futebol brasileiro é praticamente uma obrigação esportiva e administrativa. E as dez primeiras rodadas foram pautadas em uma gangorra, sem conseguir uma sequência positiva. Com uma mudança no estilo de jogo, o time conquistou duas vitórias seguidas pela primeira vez e conquistou quatro triunfos consecutivos em São Januário.

+ Bruno Gomes é condenado a um jogo de suspensão. Poderia voltar ao Vasco, mas não viaja a Curitiba


As equipes já se enfrentaram algumas vezes depois de 2011 (na época eram os últimos dois vencedores da Série B), é verdade, como no jogo que sacramentou o rebaixamento de 2015. Porém, o momento dos dois clubes é outro: ambos na Série B, almejando um acesso tão sonhado. Para confirmar a ascensão, o Vasco precisa pontuar também fora de casa, sobretudo contra o Coxa, que ocupa a vice-liderança da competição, com um jogo a menos.

Vasco - Copa do Brasil 2011
Vasco - Copa do Brasil 2011

Vasco foi campeão da Copa do Brasil em 2011 (FOTO: CLEBER MENDES)


O técnico Marcelo Cabo não terá dor de cabeça para escalar a equipe. Nenhum jogador está suspenso, e ele poderá contar novamente com a espinha dorsal do Carioca. A tendência é que o estilo de jogo, que tem dado resultado, seja o mesmo. Um futebol reativo, com a aposta em contra-ataques rápidos e boa movimentação dos jogadores de frente.

– A expectativa para esse jogo é a melhor possível. Trabalhamos firme nos últimos dias para fazer um bom jogo contra o Coritiba, que está num bom momento. Estamos vindo de duas vitórias em São Januário e queremos conquistar a terceira para entrar no G4 pela primeira vez. Queremos entrar nele para não sair mais – disse Gabriel Pec, ao site oficial do clube.

O comandante terá o reforço do atacante Léo Jabá, que não atuou diante do Sampaio Corrêa. Ele foi liberado para resolver o imbróglio com o PAOK, da Grécia, e poderá retornar nesta terça. Por outro lado, Bruno Gomes foi condenado a um jogo de suspensão, já cumpriu, mas não viajou para o Paraná com o grupo. Além dele, Lucão e Ricardo Graça também não entram em campo, já que estão com a seleção olímpica.

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos