Leco é reeleito presidente do São Paulo em votação apertada

Jorge Nicola
Leco foi muito festejado por conselheiros da situação após vitória (Fernando Dantas/Gazeta Press)

Carlos Augusto de Barros e Silva, o Leco, seguirá na presidência do São Paulo nos próximos três anos. Com 21 votos a mais do que José Eduardo Mesquita Pimenta, o advogado de 79 anos foi reeleito na noite desta terça-feira – Leco contou com 123 votos, contra 102 do opositor.

Foi a eleição mais equilibrada do São Paulo desde 2002, quando Marcelo Portugal Gouvêa assumiu o clube. Leco, por exemplo, havia garantido o direito de presidir o Tricolor pela primeira vez em outubro de 2015 com 138 votos, contra apenas 36 de Newton do Chapéu. No pleito anterior, Carlos Miguel Aidar nem teve Kalil Rocha Abdala como candidato, já que o opositor desistiu na última hora.

O novo mandato de Leco será de várias novidades por causa do estatuto recém-aprovado do São Paulo. Cargos como os de vice-presidente de futebol e diretor de futebol deixam de existir. A administração será do presidente e de um Conselho de Administração composto por nove pessoas.

O Blog antecipou na tarde desta terça-feira que um dos membros desse comitê será Raí, eterno ídolo do torcedor, que terá a incumbência de ajudar a cuidar do departamento de futebol.

Também é possível que Marco Aurélio Cunha retorne ao Tricolor em um futuro próximo. Ele foi executivo de futebol por três meses, enquanto estava de licença de seu cargo de diretor da categoria feminina na CBF. Leco assegurou a pessoas próximas que tem o desejo de recontratar o dirigente.

A parte financeira também será um dos desafios do presidente reeleito. A dívida do Tricolor é superior a R$ 200 milhões, fruto de déficits gigantes, na casa dos R$ 100 milhões, em 2015 e 2014.

Outros eleitos: Além da escolha do novo presidente, a reunião do Conselho Deliberativo do São Paulo também definiu vários outros cargos. Marcelo Pupo bateu Ópice Blum e seguirá à frente da presidência do Conselho Deliberativo (129 votos contra 95).

Os cinco vencedores para o Conselho Fiscal foram: Wanderson Martins Rocha, Augusto Silva Viola, José Edgard Galvão, Vinícius de Medeiros Castro e Leandro Alvarenga Miranda.

Para acessar outras notícias do Blog do Jorge Nicola, clique aqui: