Leclerc nega arrogância e fala de Verstappen: "Não nos suportávamos"

Redação Motorsport.com
·2 minuto de leitura

Piloto monegasco da Ferrari, Charles Leclerc foi um dos destaques da temporada 2020 da Fórmula 1 ao lado de Max Verstappen, da Red Bull Racing, seu rival desde os tempos de kartismo.

Em entrevista à Sky Itália, o ferrarista falou sobre a rivalidade com o competidor holandês, cujo ápice ocorreu no campeonato de 2019, e também negou que tenha se tornado "arrogante" com o sucesso na F1.

O editor recomenda:

F1 e Amazon negociam transmissão de GPs por streaming; saiba mais F1: Veja os maiores pontuadores por voltas mais rápidas em 2020 F1: Frank Williams recebe alta de hospital após nove dias; saiba mais

"A única crítica que me toca é a de que sou arrogante, porque sei que não mudei. Meu pai e Jules Bianchi (ambos já falecidos) me ensinaram a manter os pés no chão. Mas todo mundo quer ser seu 'amigo' e, às vezes, você acaba com isso", explicou Leclerc.

Em relação a Verstappen, o monegasco admitiu que havia uma animosidade, mas que a convivência melhorou: "Não nos suportávamos antes, mas com o tempo amadurecemos e agora conversamos um com o outro."

"Progredimos. No fim das contas, ele também é um bom menino, mas quando colocamos os capacetes, há a mesma rivalidade que havia no kart", seguiu o ferrarista, contratado pela escuderia até o fim de 2024. O vínculo de Verstappen com a RBR vai até o final de 2023.

Pilotos IGNORAM vice e Bottas vê FUNDO DO POÇO ao FICAR FORA de top-10 de 2020

Nova parceria com ThePlayer.com, a melhor opção para apostas e diversão no Brasil

Registre-se gratuitamente no ThePlayer.com e acompanhe tudo sobre Fórmula 1 e outros esportes! Você confere o melhor conteúdo sobre o mundo das apostas e fica por dentro das dicas que vão te render muita diversão e também promoções exclusivas. Venha com a gente!

PODCAST: Quem brilhou e o que de melhor aconteceu na temporada 2020 da F1?

Your browser does not support the audio element.

.