LeBron e Davis não vão participar dos Jogos Olímpicos de Tóquio, diz imprensa americana

  • Opa!
    Algo deu errado.
    Tente novamente mais tarde.
  • Opa!
    Algo deu errado.
    Tente novamente mais tarde.
  • Opa!
    Algo deu errado.
    Tente novamente mais tarde.
·2 minuto de leitura
  • Opa!
    Algo deu errado.
    Tente novamente mais tarde.
  • Opa!
    Algo deu errado.
    Tente novamente mais tarde.
  • Opa!
    Algo deu errado.
    Tente novamente mais tarde.

Os dois astros do Los Angeles Lakers, LeBron James e Anthony Davis, não vão defender as cores dos Estados Unidos no torneio olímpico de basquete em Tóquio, informaram diversos meios de comunicação locais nesta segunda-feira.

Eliminada prematuramente na primeira rodada dos playoffs, em uma série perdida contra o Phoenix Suns, a dupla está de férias após uma temporada difícil, durante a qual cada uma sofreu lesões, por isso não farão parte do 'Dream Team' que defenderá o ouro olímpico obtido na Rio-2016, afirmou o site The Athletic, citando fontes próximas aos jogadores.

LeBron, de 36 anos, sofreu uma grave entorse no tornozelo direito que o manteve fora das quadras por um mês. Ele havia se recuperado a tempo dos playoffs, que disputou sem estar com 100% de condições.

Já Davis sofreu pela primeira vez com uma grande inflamação no tendão de Aquiles direito que se moveu para a panturrilha. Ausente por dois meses, ele também conseguiu voltar contra o Phoenix, mas durante o jogo 4 machucou a virilha.

Davis voltou para o jogo 6, mas só aguentou alguns minutos por causa das dores, desistindo de continuar o jogo, em que seu time acabou perdendo e foi eliminado.

Quando a partida terminou, LeBron foi questionado sobre a possibilidade de se juntar à seleção dos Estados Unidos neste verão, respondendo, de forma meio jocosa: "Não, acho que vou jogar pelo Tune Squad neste verão, em vez das Olimpíadas", em uma alusão a "Space Jam: A New Legacy", filme que reúne imagens reais e animadas, da qual é protagonista e que deve estrear nos cinemas americanos uma semana antes do início dos Jogos Olímpicos (de 23 de julho a 8 de agosto).

Medalhista de ouro em Pequim-2008 e Londres-2012, LeBron não disputou os Jogos do Rio, após sua terceira coroação na NBA com o Cleveland.

Davis, que também havia sido campeão olímpico em 2012, também desistiu em 2016, porque fez uma cirurgia no ombro esquerdo.

Em março, a Federação Americana de Basquete compilou uma lista de 57 pré-selecionados para 12 vagas na seleção dos Estados Unidos.

Stephen Curry e Damian Lillard, cuja temporada também terminou com o Golden State e Portland, podem estar entre os escolhidos, de acordo com o The Athletic.

O primeiro pode conquistar uma primeira medalha de ouro olímpica, enquanto o último se disse "muito interessado".

nip/meh/cl/aam

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos