Lateral da Espanha está fora da Copa; Luis Enrique define substituto, diz jornal

Gayà, do Valência, lesionou o tornozelo em treino da Espanha (Foto: Reprodução)


Mais um atleta foi cortado às vésperas da Copa do Mundo. O lateral José Gayà não poderá disputar o torneio pois lesionou o tornozelo. Para o seu lugar, a Espanha deve chamar Alejandro Balde, do Barcelona. As informações são do jornal "Marca".

+ Luis Enrique revela objetivo da Espanha na Copa do Mundo

Mais um atleta foi cortado às vésperas da Copa do Mundo. O lateral José Gayà não poderá disputar o torneio pois lesionou o tornozelo. Para o seu lugar, a Espanha deve chamar Alejandro Balde, do Barcelona. As informações são do jornal "Marca".

- É uma questão delicada. A informação pertence ao jogador e aos médicos. Essa decisão será tomada amanhã - disse o treinador após o amistoso de ontem.

Já em Doha, poucos dias antes da estreia, Luis Enrique decidiu substituir o lateral lesionado, que está deixando a concentração.

- O lateral deixa Doha com o carinho, o respeito e o reconhecimento dos companheiros e da Federação - dizia a mensagem que comunicou a despedida, que minutos depois, foi deletada.

A contusão de Gayà aconteceu em um lance casual durante o treinamento da Fúria, antes do amistoso contra a Jordânia. Após os exames, foi detectado que a lesão não era grave. Porém, perder o atleta no processo de recuperação de cerca de uma semana seria arriscado para a comissão técnica espanhola e por isso ele ficou de fora do Mundial.

O periódico ainda afirma que Alejandro Balde foi avisado desde ontem que a possibilidade do corte existia. Assim que a comissão técnica teve a confirmação de que a lesão de Gayà parecia grave, eles o avisaram para que ele pudesse estar preparado.