Larissa Pimenta perde para japonesa e está eliminada em Tóquio

·1 minuto de leitura

TÓQUIO, JAPÃO (FOLHAPRESS) - Em sua segunda luta em Tóquio-2020, a paulista Larissa Pimenta foi eliminada pela japonesa Uta Abe no tatame do Nippon Budokan, neste domingo (25). Ela sofreu um ippon com 1 minuto e 57 segundos.

A missão de superar a japonesa Uta Abe, de 21 anos e duas vezes campeã mundial (em 2018 e 2019), era bem complicada. Abe, terceira do ranking mundial de judô, ficou de by na primeira rodada.

Considerada um fenômeno do esporte no Japão, Abe já entrou para história com a mais jovem conquistar um Grand Prix, em 2017. Ela tinha apenas 16 anos.

Já Larissa Pimenta vinha de uma estreia tensa e, com wazari no quarto minuto do golden score, superou a polonesa Agata Perenc, mais cedo.

Durante o tempo regulamentar, ela cometeu duas infrações e, em caso de uma terceira punição, seria eliminada. Larissa teve frieza e se na ofensiva diante da polesa.

A decisão foi para o golden score, onde quem pontuar primeiro deixa o tatame com a vitória. Perenc também foi punida por duas vezes.

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos