LaLiga será retomada? Campeonato encurtado pode solucionar problema na Espanha

Goal.com

Se houverem condições, a LaLiga retornará em um novo formato. Seria um torneio curto, de 11 rodadas, com partidas a cada três dias em pleno verão espanhol. Como seria essa "Liga do Coronavírus"? Diferentemente da França, que declarou o fim da Ligue 1, a Espanha deve retomar o futebol.

A Goal explica como será o futebol espanhol, caso, claro, seja possível retormar a atual temporada.

Liga "express". Será um torneio curto e rápido, com 11 jogos para cada time. A forma física e emocional dos atletas preocupam, mas LaLiga também está pensando sobre isso. O torneio curto poderia ajudar times que começaram mal a temporada e prejudicar os que estavam bem antes da pausa.

Role para baixo para continuar lendo
Anúncio

Preparação física. A preparação física pode ser peça chave neste retorno do futebol espanhol. Os clubes devem fazer treinamentos em três etapas: trabalhos individuais, em pequenos grupos e, por fim, com todo elenco. Os profissionais da área acreditam que serão necessários, pelo menos, 15 dias de pré-temporada. Sergio Ramos declarou que está mais magro e forte do que antes da quarentena.

Cinco substituições. A proposta é vista com bons olhos pela própria Fifa, que pretende implementar a medida no futebol mundial nos primeiros meses pós-pandemia. Isso poderia ajudar os treinadores a manter seus jogadores na melhor forma possível e, assim, prevenir lesões.

Fator emocional. Não será uma LaLiga comum. A pandemia, os contágios e até as partidas sem público (tópico explicado mais à frente) devem influenciar o psicológico dos jogadores. É uma novidade nunca vista antes e será difícil mensurar o quanto isso pode pesar no desempenho dos atletas.

Adaptação. Como se trata de um torneio curto, quem se adaptar mais rapidamente a esta nova realidade se sairá melhor. Clubes podem escapar do rebaixamento ou perderem vagas em torneios europeus dependendo de como reagirem diante desta situação.

Calor sufocante. Os jogos devem ser jogados no ápice do verão espanhol. Em Barcelona, por exemplo, as temperaturas podem chegar aos 30º facilmente. Talvez, para amenizar os efeitos da temperatura, a maioria dos jogos devem ser disputados a noite.

LaLiga no sofá. Os portões de todos os estádios do país estarão fechados durante esse torneio. O Camp Nou é um exemplo de estádio que pode não abrir mais até o fim do ano. É capaz que torcedores deixem de maratonar séries para maratonar partidas de futebol. Sem dúvida, este campeonato será conhecido como "LaLiga do Coronavírus".

Leia também