La Liga entra na justiça contra a Fifa por conta do Mundial de Clubes

Javier Tebas cumpriu ameaça e entrou na justiça contra a Fifa (Foto: AFP)


A La Liga cumpriu com a sua ameaça e denunciou a FIfa por conta do novo formato proposto por Gianni Infantino para o Mundial de Clubes. Segundo o "As", o caso já foi apresentado ao Tribunal Arbitral do Esporte (TAS) devido ao inchaço do torneio, que passaria a abrigar 32 clubes a partir de 2025.

- A Fifa parece esquecer e só pensa em poucos sem conhecer o efeito real sobre os atores do futebol profissional. Só pensa em um reduzido grupo de clubes e jogadores, quando o futebol profissional são muitas ligas, milhares de clubes e atletas que não jogam estas competições internacionais. Essas decisões tomadas de maneira unilateral e sem aviso prévio sobre o calendário com novos torneios internacionais causam danos irreversíveis a todo o ecossistema do futebol - argumenta a entidade.

Resta saber se o apelo da La Liga resultará em alguma mudança no formato proposto pelo presidente da Fifa. Atualmente, o Mundial de Clubes conta com a presença de sete equipes e o novo modelo do torneio adotaria um sistema semelhante ao disputado na Copa do Mundo, embora haja poucas definições sobre distribuição de vagas e sede.

Em 2021, a La Liga entrou com uma ação no TAS contra a Fifa após a entidade máxima do futebol autorizar a Conmebol estender seu período de jogos entre seleções pelas Eliminatórias da Copa do Mundo devido aos duelos adiados por conta da pandemia da Covid-19. Com isso, diversas equipes foram afetadas com a perda de seus atletas, o que ocasionou o adiamento de alguns jogos.