Líderes foram substituídos e Bélgica pode vencer a Copa do Mundo, diz Vertonghen

Zagueiro da Bélgica Jan Vertonghen

Por Julien Pretot

DOHA (Reuters) - A Bélgica está confiante de que pode vencer a Copa do Mundo, apesar de ter perdido alguns dos principais elementos da campanha de 2018, disse o zagueiro Jan Vertonghen nesta terça-feira.

A Bélgica terminou em terceiro na Rússia depois de perder por 1 x 0 para a França, que venceria a competição, mas desta vez não poderá contar com nomes como Vincent Kompany, que se aposentou, ou Marouane Fellaini, que não joga mais por seu país.

Vertonghen, no entanto, acredita que a geração mais jovem está pronta.

"Eu entendo que a seleção em 2018 foi excepcional. Eu entendo que você pode ter algumas dúvidas agora porque alguns desses caras que são líderes não estão agora", disse Vertonghen em entrevista coletiva na véspera da estreia do Grupo F contra o Canadá.

"Mas eles foram substituídos. Um ano ou dois atrás, ok, talvez eu concordasse com você, mas agora temos um meio-campo forte, muitas opções entre os atacantes."

"Agora há espaço para estes jovens e estou entusiasmado com o que vejo. Tenho fé nesta equipe", acrescentou.

Embora Romelu Lukaku seja desfalque nos dois primeiros jogos devido a lesão, o treinador Roberto Martínez tem acompanhado de perto a rápida evolução de Lois Openda no RC Lens.

"Tenho 25 jogadores que estão totalmente aptos para amanhã - todos eles, exceto Lukaku", disse Martínez, questionado sobre a condição de Eden Hazard.

(Reportagem de Julien Pretot)