Léo Príncipe ganha sequência e mira possível suspensão de Fagner

O lateral direito Léo Príncipe será um dos poucos jogadores reservas da equipe do Corinthians que terão uma chance como titular na partida contra o São Paulo, neste domingo, às 16h (de Brasília), no estádio de Itaquera. Sem Fagner, convocado para a Seleção Brasileira, o defensor tenta mostrar que pode ser uma opção confiável diante da sequência de mata-matas que o Alvinegro terá pela frente em abril.

“O Léo já esta com a gente desde o ano passado, promissor, com muita força. Está com um pouco de dificuldade de aparecer por causa do Fagner, mas tem entrado bem”, comentou o técnico Fábio Carille, que já o utilizou no empate por 1 a 1 com o Red Bull, no meio da semana, e deve utilizá-lo na quarta-feira, contra o Linense, em Itaquera, fechando a primeira fase do Campeonato Paulista.

As chances de isso acontecer aumentaram consideravelmente com a suspensão de Daniel Alves na Seleção, que deve fazer com que o técnico Tite utilize Fagner na partida contra o Paraguai, marcada para terça-feira, justamente no estádio de Itaquera. Dessa forma, o defensor não teria condições de entrar em campo logo no dia seguinte com a camisa corintiana.

“Ele realmente tem boas chances de jogar os três jogos e isso é bom para ele pegar maturidade”, apontou o comandante, lembrando o fato de que, com dois cartões amarelos acumulados no Estadual, Fagner corre o risco de receber o terceiro e ser suspenso no mata-mata da competição.

“É importante que ele possa ganhar experiência porque ele pode atuar nessa fase decisiva”, concluiu Carille, que tem apenas uma dúvida na montagem da equipe para o embate: Jabá ou Pedrinho, com vantagem para o segundo, que deve formar uma linha de meias ao lado de Rodriguinho e Jadson. A definição sairá no treino da manhã deste sábado, no CT Joaquim Grava.