Lokomotiv conquista Copa da Rússia, e brasileiro é expulso em pancadaria

Sochi (Rússia), 2 mai (EFE).- O Lokomotiv Moscou se consagrou campeão da Copa de Rússia nesta terça-feira, ao derrotar o Ural por 2 a 0 em partida que terminou em pancadaria com direito a duas expulsões para cada lado, incluindo o atacante brasileiro Ari, da equipe vencedora.

Além de ter conquistado o sétimo título da competição, o clube da capital russa, que também conta com o atacante Maicon, ex-Fluminense, garantiu presença na próxima edição da Liga Europa.

Igor Denisov abriu o placar da partida aos 31 minutos do segundo tempo e provocou uma invasão de dezenas de torcedores do Lokomotiv após comemorar o gol próximo às arquibancadas.

Agentes de segurança tiveram que retirar alguns torcedores a força, mas vários permaneceram no campo atrás do gol do Ural até o final do jogo.

Aleksey Miranchuk marcou nos acréscimos o segundo gol da partida, que terminou em briga. Fidler e Manucharyan, do Ural, foram expulsos, assim como Ari e Farfán, do Lokomotiv. EFE