Klopp nega problema de relacionamento com Coutinho e espera retorno

Clube catalão mantém conversa com a diretoria dos Reds e tenta liberação de meio-campista brasileiro até o último dia da janela de transferências

Enquanto se recupera de uma lesão nas costas, Philippe Coutinho teve que lidar com outro problema: a negociação com o Barcelona gerou boatos de um relacionamento ruim com o técnico Jurgen Klopp.

O alemão falou sobre isso nesta terça-feira (22) e disse que está pronto para recebeu Coutinho no elenco novamente, sem qualquer problema.

"Você perguntar se tudo está bem entre mim e ele. É claro que sim. Absolutamente, 100 por cento", decretou Klopp.

O técnico só não soube dizer quando será o retorno de Coutinho: "Phil agora está lesionado, com lesão nas costas. Um outro jogador teve isso e voltou a treinar hoje. Mas ele não treina há muito tempo, então não temos ideia de quando ele volta".

Klopp também comentou sobre o jogo contra o Hoffenheim, que vale vaga na fase de grupos da Champions. Os times farão a partida de volta nesta quarta-feira (23), após vitória dos Reds por 2 a 1, na Alemanha.

"A principal diferença entre os jogos é que agora todos sabem da qualidade de Hoffenheim. Eu sabia, mas muitas pessoas na Inglaterra não esperavam", analisou o técnico do Liverpool.

O Hoffenheim recebeu muitos elogios pelo bonito toque de bola apresentado contra o Liverpool. Questionado sobre isso, Klopp ironizou: "não é como patinação no gelo, onde você é julgado pela beleza do seu desempenho. É sobre ganhar. Houve muitos jogos onde a melhor equipe perdeu".