Klinsmann enfrenta problemas na Alemanha por não ter apresentado licença de técnico

AFP
(Arquivo) O técnico Jürgen Klinsmann
(Arquivo) O técnico Jürgen Klinsmann

Jürgen Klinsmann, ex-técnico das seleções da Alemanha e dos Estados Unidos e atual treinador do Hertha Berlim, ainda não apresentou sua licença de técnico profissional à Liga alemã (DFL) e vem sendo pressionado pela entidade para fazê-lo o quanto antes.

"Em relação a Jürgen Klinsmann, ainda nos falta a prova de que ele possui uma licença válida", informou a DFL em comunicado.

O técnico de 55 anos minimizou nesta quarta-feira o problema.

Role para baixo para continuar lendo
Anúncio

"Já enviei por e-mail as informações que a DFL precisa. A licença deve estar em alguma caixa na minha casa na Califórnia. Vamos encontra-la", garantiu o ex-atacante, campeão do mundo em 1990 como jogador e que também treinou o Bayern de Munique (2008-2009).

O Hertha Berlim e Klinsmann correm o risco de serem multados se não provarem que a licença do técnico, obtida em 2000, está em dia.

O regulamento da Bundesliga obriga os técnicos da primeira e da segunda divisão a comparecerem regularmente a sessões de formação para colocar as licenças em dia.

"Quando cheguei em Berlim em final de novembro, não achava que precisaria da minha licença e dos certificados", se defendeu Klinsmann.

Desde a chegada do ex-jogador, a equipe da capital somou dez dos doze pontos disputados, aparecendo na 12ª colocação na tabela. Neste sábado, receberá o Bayern de Munique, atual terceiro colocado a quatro pontos do líder Leipzig.

Leia também