Klidson Abreu perde em decisão polêmica dos juízes no UFC Rússia

Klidson Abreu perde em decisão polêmica dos juízes no UFC Rússia
Klidson Abreu perde em decisão polêmica dos juízes no UFC Rússia

Antes de assinar com o Ultimate, Klidson Abreu acumulava três vitórias sobre atletas russos. Na sua estreia pela organização, em fevereiro deste ano, o brasileiro sofreu a primeira derrota para um lutador nascido no país europeu. E neste sábado (9), na primeira luta do card principal do UFC Rússia, o meio-pesado (93 kg) perdeu para o estreante Shamil Gamzatov e diminuiu a vantagem em seu histórico contra russos.

Com o resultado, o brasileiro – que vinha de vitória sobre Sam Alvey em julho deste ano, no UFC San Antonio – sofre a segunda derrota pela entidade e a segunda para um lutador russo. Já Gamzatov, que fazia sua estreia na organização, segue invicto em sua carreira após 14 confrontos.

A luta

Role para baixo para continuar lendo
Anúncio

Cada vez mais confortável na luta em pé, Klidson – que é oriundo do jiu-jitsu – aceitou a trocação durante todo o equilibrado primeiro round. O brasileiro dominou o centro do octógono na maior parte do assalto inicial, mas aparentemente foi mais acertado pelos golpes do adversário, ainda que sem potência.

O panorama seguiu o mesmo na etapa seguinte, com o brasileiro apostando na sua trocação. Com maior potência nos ataques, Klidson aplicou os melhores golpes e soube controlar a distância para não correr riscos. Faltando menos de um minuto para o fim do assalto, o manauara conseguiu uma queda, ampliando sua vantagem no round.

Nem mesmo o apoio da torcida, que tentou animar o atleta da casa, surtiu algum efeito na etapa final. Com boas combinações de socos e chutes, Klidson continuou dominando o combate. Já perto do final da peleja, Gamzatov conseguiu aplicar um bom direto de direita, mas o brasileiro se recuperou plenamente. No entanto, a apresentação do manauara não foi o suficiente para os juízes, que – em decisão polêmica – deram a vitória para o russo.

Primeira vitória russa no card sai em duelo de compatriotas

Em um card, compreensivelmente, lotado de atletas russos, os lutadores da casa precisaram de um duelo entre eles para assegurar o primeiro triunfo de um representante local no UFC Rússia. Coube a Rustam Khabilov conquistar a primeira vitória russa no evento, ao derrotar o compatriota Sergey Khandozhko por decisão unânime dos juízes.

Em um combate morno, Khabilov utilizou seu wrestling para ‘amarrar’ grande parte da luta e pontuar o suficiente para convencer os juízes de sua vitória depois dos três rounds regulamentares. Sem aplicar golpes contundentes ou colocar Khandozhko em perigo, Rustam triunfou basicamente com o domínio de posições que ‘travavam’ o confronto.

Com o resultado, Khabilov – veterano do UFC – conquistou sua décima vitória na organização, pela qual estreou em dezembro de 2012. O lutador, que vinha de derrota para Diego Ferreira, possui três reveses na entidade. Já Khandozhko – que estreou com vitória no Ultimate – perdeu pela primeira vez no octógono mais famoso do mundo.

Americano supera dedada no olho e finaliza russo

Proveniente do Contender Series, Karl Roberson venceu Roman Kopylov por finalização no terceiro round. Amplamente superior na trocação durante todo o confronto, o peso-médio (84 kg) ainda sofreu um corte em seu olho direito, fruto de uma dedada do russo, que, por pouco, não obrigou o médico a interromper o combate e resultou em um ponto retirado de Kopylov. Mesmo com a vitória por pontos basicamente garantida, o americano retornou ao duelo e, mesmo com um sangramento atrapalhando sua visão, levou a luta para o chão e finalizou o rival com um mata-leão.

Com a vitória no card preliminar do UFC Rússia, Roberson acumula agora quatro triunfos e duas derrotas no Ultimate. Já Kopylov, que fazia sua estreia na organização, sofreu a primeira derrota de sua carreira profissional. O russo possui oito resultados positivos e uma derrota agora em seu cartel.

Confira os resultados do UFC Rússia:

Peso-meio-pesado (93 kg) | Shamil Gamzatov venceu Klidson Abreu por decisão dividida;
Peso-meio-pesado (93 kg) | Magomed Ankalaev venceu Dalcha Lungiambula por nocaute;
Peso-meio-médio (77 kg) | Rustam Khabilov venceu Sergey Khandozhko por decisão unânime;
Peso-médio (84 kg) | Karl Roberson venceu Roman Kopylov por finalização;
Peso-meio-médio (77 kg) | David Zawada venceu Abubakar Nurmagomedov por finalização;
Peso-leve (70 kg) | Roosevelt Roberts venceu Alexander Yakovlev por decisão unânime;
Peso-galo (61 kg) | Pannie Kianzad venceu Jessica-Rose Clark por decisão unânime;
Peso-galo (61 kg) | Davey Grant venceu Grigorii Popov por decisão dividida.

Leia também