'King Mo' vence um irreconhecível 'Rampage' e avança para duelo com Ryan Bader

Bellator/ Divulgação

Depois de três anos de espera, finalmente Quinton ‘Rampage’ Jackson e ‘King Mo’ protagonizaram a aguardada revanche nesta sexta-feira (31), na atração principal do Bellator 175. E desta vez quem levou a melhor foi o ex-campeão do Strikeforce, que aproveitou a visível falta de preparo físico do rival.

Acostumado a lutar como meio-pesado (93 kg), Rampage, ex-campeão do UFC, subiu para os pesados e cravou incríveis 115 kg na balança um dia antes do combate, marca esta que foi cerca de 18 kg a mais do que o seu oponente. E essa diferença lhe custou caro.

Mais lento do que de costume, o veterano de 38 anos começou tentando impor sua força ao apostar em golpes de encontro em um estratégico adversário, que rapidamente lançou mão do afiado wrestling para clinchar, levar para a grade e derrubar. De lá, King Mo se manteve ativo o suficiente para permanecer mais da metade da etapa como agressor, o que lhe garantiu vantagem no assalto.

Em desvantagem no placar, Rampage não mais se deixou quedar, alternou sequências simples de cruzados sempre começando com sua forte esquerda e dominou a troca de pegadas junto à grade. Vantagem que o fez levar o round e garantir emoção a mais para a etapa final.

No entanto, os cinco minutos restantes foram demais para o agora peso-pesado. Sem velocidade em seu jogo de perna, Rampage não encontrava o adversário que o cercava em busca de um erro, que não demorou a chegar. Ao entrar em queda, o ex-campeão do UFC se viu na posição de quatro apoios com o adversário por cima o agredindo rapidamente.

E, para escapar da posição de desvantagem, o veterano explodiu pela última vez e ficou de pé, de onde passou a ser dominado com sequências velozes de cruzados combinadas com clinches que terminaram por consumir o resto de gás que Rampage tinha.

Ao final dos três assaltos, vitória por decisão unânime de King Mo, que ainda no cage foi informado pela organização do show que enfrentará Ryan Bader no próximo dia 24 de junho, em Nova York (EUA). Ex-atleta do UFC, o meio-pesado fará sua estreia na organização.

Vitória brasileira

Na mesma noite, Marcos ‘Loro’, ex-campeão dos pesos-penas (66 kg) do Bellator, fez sua estreia entre os pesos-leves (70 kg) e acabou superado por pontos por Emmanuel Sanchez. Após três rounds disputados, o americano foi superior em todas as etapas ao anular por completo o habilidoso jogo de jiu-jitsu do rival.

.@KingMoFH gets revenge with win over rival @Rampage4real! #Bellator175 pic.twitter.com/0MG1pSqdwX

— Bellator MMA (@BellatorMMA) April 1, 2017