Kelvin Gastelum nocauteia Belfort no primeiro round no UFC Fortaleza

Luis Fernando Coutinho

A luta principal do UFC Fortaleza, que aconteceu neste sábado, no Centro de Formação Olímpica, contou com um duelo entre experiência e juventude. E embora a experiência ainda tenha seu valor, a evolução da juventude fala mais alto na maioria das vezes. Foi isso o que aconteceu na vitória por nocaute de Kelvin Gastelum contra Vitor Belfort, Em confronto ocorrido todo na trocação, de pé, o brasileiro chegou a assustar o rival, mas não aguentou o ritmo diante da resistência do americano e foi nocauteado aos 3m52seg.

- Eu confio nas minhas habilidade de finalizar qualquer luta. Existe um cara (que eu gostaria de enfrentar) que faz barulho há muito tempo. Anderson (Silva), talvez no Rio - declarou o lutador, se referindo ao UFC 212, que acontece no dia 3 de junho.

- Treinei muito, não vi o aniversário do meu pai. Agora quero pedir a vocês a cantar um parabéns. Feliz aniversário ao meu pai! - pediu o lutador à torcida, que prontamente atendeu e cantou o "parabéns" junto de Gastelum.

Emocionado, Belfort sinalizou que sua próxima luta será a despedida de sua carreira. Ele também pediu para se apresentar no Rio de Janeiro, sua terra natal.

- Tenho mais uma luta no contrato, quero lutar no Rio. Tenho certeza de que a minha jornada quero finalizar assim, lutando no Rio. (A derrota) faz parte, vamos levantar a cabeça. Obrigado pelo carinho de todos - afirmou, momento após a luta.

A LUTA

Belfort começou o duelo andando para frente, cercando o rival. Gastelum mostrou tranquilidade e não se afobou, teve paciência. O primeiro ataque foi de Vitor, que aplicou uma sequência de jab e direto. Gastelum se recompôs, continuou cercando e respondeu. O brasileiro chegou a tentar dois chutes rodados, mas nenhum encaixou como o esperado. Belfort chegou a ter um bom momento quando abalou Kelvin com uma sessão de socos, mas o americano logo se recuperou. Aos poucos o brasileiro foi perdendo seu ímpeto, Gastelum acelerou o ritmo e conseguiu o nocaute após derrubar o brasileiro com um soco e finalizar a luta com socos por cima, com Vitor no chão.

Agora Belfort soma um cartel de 25 vitórias e 14 derrotas na carreira. Essa foi a terceira derrota consecutiva de Vitor no UFC. Já Gastelum, emplacou a terceira vitória seguida. O americano pediu para enfrentar Anderson Silva em seu próximo compromisso.












E MAIS: