Kannemann fala sobre a sua rotina na quarentena e a volta do futebol


A volta do futebol na Alemanha deu o que falar no Grêmio. Se os torcedores ficaram animados por acompanhar um jogo ao vivo no fim de semana, o zagueiro Kannemann gostou de ver que as autoridades começam a tomar medidas para que o esporte volte de maneira gradativa.

‘É bom ver que os campeonatos começaram a voltar, mas ainda com algumas restrições. Os jogadores do banco dos suplentes estavam distanciados e com máscaras. Só os que estavam em campo estavam sem máscaras. Creio que estão tentando encontrar algum jeito para minimizar o risco e que o futebol continue. Sabemos que o tema da economia é muito importante, mas a vida é mais. Estão tentando e conseguiram encontrar o meio termo para continuarmos com a nossa vida, mas com os cuidados necessários para enfrentar o vírus’, destacou ao site do Grêmio.

De acordo com o parceiro de Geromel, durante o período da quarentena ele criou atividades dentro de casa para combater o tédio.

‘Tive que comprar uma bicicleta e fiz bastante exercícios nela. Não tinha outra coisa para fazer. Olhei seriados e brinquei com a minha filha, para ela não ficar chateada por ficar fechada em casa, mas conseguimos passar de um bom jeito a quarentena’, finalizou.

Calendário

Enquanto alguns países esboçam uma data para voltar aos trabalhos, no Brasil a história ainda é diferente e o futebol continua sem data de retorno.








Role para baixo para continuar lendo
Anúncio

Leia também