Kamaru Usman descarta superlutas contra Khabib e Adesanya no UFC

AgFight

Na era onde superlutas entre campeões de diferentes divisões são especuladas e desejadas por muitos, um lutador parece fugir à regra, pelo menos no momento. Em entrevista ao podcast ‘The Joe Rogan Experience’, Kamaru Usman – detentor do cinturão meio-médio (77 kg) do UFC – revelou que não se vê enfrentando Khabib Nurmagomedov e Israel Adesanya, campeões peso-leve (70 kg) e peso-médio (84 kg) do Ultimate, respectivamente.

Empresariados pela ‘Dominance MMA’, do agente Ali Abdelaziz, Kamaru e Khabib desenvolveram uma relação de respeito mútuo, e, por isso, o nigeriano justifica sua postura de não aceitar, inicialmente, uma superluta contra o russo. Já a falta de interesse em encarar Israel Adesanya em um hipotético combate se deve ao fato de ambos terem nascido na Nigéria, sendo assim os únicos campeões da história do UFC oriundos do continente africano.

“Eu nunca lutaria com Khabib – esse é meu irmão. É apenas respeito mútuo. Eu não me vejo lutando com Khabib jamais. Não me vejo lutando com Israel (Adesanya), apesar de muitas pessoas terem insinuado sobre isso. Eu não me vejo lutando com ele. Ter dois cinturões na Nigéria é melhor do que ter um cara com dois cinturões. Não existe desejo nisso. Esse é o meu chapa. Ele é especial”, explicou Kamaru Usman.

Ainda se recuperando de uma lesão na mão, o campeão meio-médio aguarda a definição do próximo desafiante ao seu cinturão, por parte do UFC. Todos os rumores apontam para Jorge Masvidal, atual número três no ranking até 77 kg, como o favorito para receber o ‘title shot’.

Role para baixo para continuar lendo
Anúncio

Leia também