Juventus confirma demissão de Andrea Pirlo; Substituto já assinou contrato

  • Opa!
    Algo deu errado.
    Tente novamente mais tarde.
·1 minuto de leitura
  • Opa!
    Algo deu errado.
    Tente novamente mais tarde.

O desfecho da temporada 2020/21 foi até positivo para a Juventus - conquistou a Copa Itália ao bater a Atalanta na decisão e conseguiu, às duras penas, se classificar para a próxima Champions via Serie A -, mas a "reação tardia" não foi suficiente para Andrea Pirlo convencer a diretoria do clube de que merecia mais um ano à frente do time de Turim.

Na manhã desta sexta-feira (28), a Velha Senhora usou suas redes sociais e plataformas oficiais para confirmar a demissão do jovem treinador: "Obrigado, Andrea. Estas são as primeiras palavras que todos nós devemos dizer no final desta experiência especial juntos (...) Pirlo acaba de dar os primeiros passos do que sem dúvida se tornará uma brilhante carreira como treinador. Uma aventura de transformação, buscando, e muitas vezes conseguindo, trazer para o campo suas ideias e sua experiência como campeão do 'outro lado' da cerca", publicou o clube em comunicado.

Este conteúdo não está disponível devido às suas preferências de privacidade.
Para vê-los, atualize suas configurações aqui.

Substituto definido e destino de Pirlo

Não há dúvida de que a Itália é, neste momento, o mercado europeu mais agitado em termos de trocas de treinadores. Além da demissão de Pirlo em Turim, o Napoli confirmou o adeus de Gattuso e deve fechar com o veterano Luciano Spalletti, enquanto que Simone Inzaghi, ex-Lazio, assumirá o comando da campeã Inter de Milão, após a inesperada saída de Antonio Conte.

De acordo com a imprensa italiana, o provável destino de Pirlo é o Sassuolo, já que Roberto De Zerbi assinou com o Shahktar Donetsk (UCR). Gattuso, por sua vez, já foi anunciado como novo treinador da Fiorentina.

A Velha Senhora, por sua vez, também já está de comandante 'novo', que na verdade é um velho conhecido da torcida juventina: Massimiliano Allegri retorna ao clube após duas temporadas da sua demissão, assinando vínculo válido por quatro temporadas, até 2025.

Allegri está de volta ao comando da Juventus | Tullio M. Puglia/Getty Images
Allegri está de volta ao comando da Juventus | Tullio M. Puglia/Getty Images
Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos